Exploração de fatores de risco para lesões no atletismo de alta performance

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2007-06-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte

Resumo

Os fatores de risco para instalação de lesões do esporte têm sido pesquisados no sentido de facilitar o entendimento sobre o assunto. Contudo, para altos níveis de performance, nos eventos de pista e campo do atletismo, são escassos os documentos que abordam o tema. Assim, a partir da possibilidade de reunir informações sobre a condição descrita, objetivou-se com o presente estudo a exploração de fatores de risco para lesões desportivas no atletismo, a partir de inquérito aplicado a atletas da elite mundial da modalidade. A população foi composta por 60 homens e 60 mulheres alocados em grupos conforme a especificidade de sua modalidade (velocidade, resistência, arremessos e saltos). Realizou-se entrevista utilizando-se de inquérito de morbidade referida, abordando questões sobre variáveis antropométricas e de treinamento, assim como lesões. Utilizou-se a técnica da análise de variância paramétrica para as variáveis antropométricas (idade, peso, estatura) e da técnica da análise de variância não paramétrica em relação às variáveis de treinamento (anos de treinamento e horas semanais). Para associação entre momento de lesão e especialidades, utilizou-se do teste de Goodman em nível de 5% de significância. Os resultados mostraram que houve elevada freqüência de lesões na modalidade em ambos os sexos. As taxas de lesão por atleta entrevistado foram de 0,92 (velocidade), 1,08 (resistência), 1,22 (saltos) e 1,20 (arremessos). Não houve diferença estatisticamente significante para as variáveis antropométricas e de treinamento em relação às provas, com exceção dos saltadores, que apresentaram diferenças para estatura e tempo de treinamento; nesse caso, os acometidos são mais altos ou praticam atletismo há menos tempo (P < 0,05). Concluiu-se que, para população estudada, o risco de lesão é acentuado, mas sem relação entre variáveis e presença de agravos, salvo para especialistas em provas de saltos, que apresentaram estatura e tempo de treinamento como fatores predisponentes à lesão.
The risk factors for installation of sports injuries have been researched to facilitate the understanding about the issue. However, for high performance levels, in the track and field events of athletics, the documents that approach the theme are scarce. Thus, with the possibility to collect information about the described condition, this study aimed the exploration of risk factors for sport injuries in athletics, by inquiring world elite athletes of the modality. The population was composed by 60 men and 60 women allocated in groups according to the specific modality (speed, resistance, throws and jumps). The interviews were made using a morbidity referred inquiry, approaching subjects on anthropometrics and training variables, as well as injuries. The technique of the analysis of parametric variance was used for the anthropometrics variables (age, weight, stature) and of the technique of the no parametric variance analysis in relation to the training variables (years of training and weekly hours). The Goodman's test was used in level of 5% of significance for the association between injury moment and specialties. The results showed an elevated frequency of injuries in the modality for both genders. The injury taxes for interviewed athlete were 0,92 (speed), 1,08 (resistance), 1,22 (jumps) and 1,20 (throws). There was not significant statistical difference for the anthropometrics variables and of training in relation to the proofs, except to the jumpers, that presented differences for stature and time of training; in that case, injured are the taller or those that practice athletics for less time (P < 0.05). In conclusion, for studied population, the risk of injury is accentuated, but without relationship between variables and presence of injuries, except for specialists in jumps, that presented stature and time of training as risk factors to the injury.

Descrição

Palavras-chave

Lesões do esporte, Atletas, Treinamento desportivo, Variáveis antropométricas, Sports injuries, Athletes, Sport training, Anthropometric variables

Como citar

Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, v. 13, n. 3, p. 200-204, 2007.