Centro, centralidade, comércio e franquias em Ourinhos/SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-06-13

Autores

Luvizotto, Beatriz Benati

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A cidade como materialização do processo da urbanização é o espaço onde acontece a reprodução da vida e do capital. Nesse sentido, o fato de estar atrelado às redes permite uma maior circulação de produtos que, por sua vez, é impulsionado pelas atividades econômicas. Em Ourinhos/SP, a cidade se forma em torno da linha férrea impulsionada, primeiramente, pela produção cafeeira. No mundo contemporâneo, guarda resquícios dessa formação e sua centralidade se expressa a partir dessa gênese geográfica e econômica, mas forma também um espaço de sobreposição com equipamentos modernos e multifuncionais. A fim de compreender lógicas econômicas e espaciais, concentrações e localizações, foi realizado mapeamento dos estabelecimentos privados e suas atividades econômicas encontrados na Zona de Centralidade, delimitada pelo Plano Diretor, considerado o centro tradicional. Somado a isso, o presente trabalho discute os demais equipamentos e suas funções dentro da cidade que compõem a malha urbana e intensificam a concentração dos fluxos nesta área. Por fim, a discussão se revela acerca das influências da globalização em uma cidade de porte médio através das unidades de estabelecimentos de franquias, sua fixação espacial e sua tendência descentralizadora.
The city as the materialization of the urbanization process is the space where the reproduction of life and capital takes place. That way, the fact of being linked to networks allows a greater circulation of products which, in turn, is driven by economic activities. In Ourinhos/SP, the city is formed around the railway line driven, primarily, by coffee production. In the contemporary world, it retains remnants of this formation and its centrality is expressed from this geographical and economic genesis, but it also forms an overlapping space with modern and multifunctional equipment. In order to understand economic and spatial logics, concentrations and locations, a mapping of private establishments and their economic activities found in the Centrality Zone, delimited by the Master Plan, considered the traditional center, was carried out. Added to this, the present work discusses the other equipment and their functions within the city that make up the urban fabric and intensify the flow contractions in this area. Finally, the discussion reveals the influences of globalization in a medium-sized city through the units of franchise establishments, their spatial fixation and their decentralizing tendency.

Descrição

Palavras-chave

Centralidade urbana, Comércio, Franquias, Ourinhos/SP, Urban centrality, Commerce, Franchises

Como citar