Conservative management of pituitary tumor apoplexy

Resumo

A apoplexia pituitária é uma rara síndrome neuroendócrina causada, na maioria dos casos, pela hemorragia ou enfarte de um adenoma pituitário preexistente. O tratamento recomendado é variável; alguns autores defendem a descompressão cirúrgica do tumor em regime de urgência, enquanto outros sugerem que o tratamento conservador pode levar à recuperação da função neuroftalmológica. Descrevemos os casos de dois pacientes com apoplexia pituitária que apresentaram macroadenomas clinicamente não secretores e hipopituitarismo, incluindo hipogonadismo. Ambos foram submetidos ao tratamento conservador, sem cirurgia, e houve a remissão do tumor.
Pituitary tumor apoplexy is a rare neuroendocrine syndrome resulting, in most cases, from hemorrhage or infarctation of a pre-existing pituitary adenoma. Treatment recommendations vary; some authors advocate urgent surgical decompression of the tumor, whereas others suggest that conservative management can lead to recovery of neuro-ophthalmologic function. We describe two patients with pituitary tumor apoplexy who had clinically non-functioning macroadenomas and hypopituitarism, including hypogonadism. They were treated conservatively without surgery, and achieved tumor remission.

Descrição

Palavras-chave

Como citar

Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, v. 55, n. 5, p. 345-348, 2011.