Sistema desponte na produção de figos verdes 'Roxo de Valinhos'

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010-02-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O objetivo deste trabalho foi estudar o efeito do sistema desponte sobre o desenvolvimento e a produção de figos verdes 'Roxo de Valinhos'. O experimento utilizando plantas de quatro anos de idade, com espaçamento 3 x 2m, foi conduzido de julho de 2007 a março de 2008, em Quatro Pontes, Paraná (PR). O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso, com quatro blocos, e os tratamentos foram arranjados em fatorial 2 x 5, tomando por fatores o número de ramos produtivos (plantas conduzidas com seis ou 12 ramos) e o número de despontes (um, dois, três ou quatro, além do controle sem desponte). No sistema desponte, após a emissão da 16a folha, o ramo foi despontado (gema apical removida), selecionando-se duas brotações por ramo produtivo. Novos despontes foram realizados posteriormente, sempre após a emissão da sexta folha. em cada parcela, constituída de três plantas úteis, foram coletados dados no ciclo de produção 2007/08. A maior produção (2.208,87g planta-1) e produtividade estimada (3.681,19kg ha-1) observada de figos verdes foram obtidas quando as plantas foram conduzidas com 12 ramos produtivos, efetuando-se três despontes.

Resumo (inglês)

The objective of this research was to study the effect of the lopping system on the development and production of green figs 'Roxo de Valinhos'. The experiment using plants of four years of age, with spaced 3 x 2m, was conducted from July/2007 to March/2008 in Quatro Pontes, PR. The design was randomized blocks with four blocks, and the treatments arranged in a 2 x 5, taking as factors the number of productive branches (plants conducted with six or twelve branches) and the number of loppings (one, two, three or four, besides the control without lopping). In the lopping system, after the emission of the 16th leaf, the branch was blunted (apical bud removed), selecting two sprouting per productive branches. New lopping was accomplished later, always after the emission of sixth leaf. In each plot, consisting of the three plants, data were collected in the production cycles 2007/2008. The highest yield (2,208.87g planta-1) and estimated yield (3,681.19kg ha-1) observed of green figs were obtained when plants were conducted with twelve branches of production, effecting three loopings.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Ciência Rural. Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), v. 40, n. 1, p. 25-29, 2010.

Itens relacionados

Financiadores