Prevalência de perdas urinárias em uma amostra de mulheres de Botucatu

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2013-02-22

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The goal of this study was to determine the prevalence of urinary incontinence (UI), presence or absence of bother with the UI and to observe the most common at the moment of the urinary loss from the city of Botucatu. This is a transversal epidemiological study made in two hospitals with maternity in operation in the city of Botucatu, Brazil. Women were interviewed during hospitalization for childbirth, at the time of postpartum when they responded the structured survey. Results: It was interviewed 299 women, of these 49 (16.4%) were incontinent and among the incontinent 27 (55.1%) had mixed urinary incontinence (MUI) and 23 (46.9%) reported discomfort related to UI. Among the most common activities during the loss of urine were found sneeze, cough, laugh, and when they were strong urge to urinate. These findings highlight the importance of research on the prevalence of UI as well as approach and care for women with this symptom
O objetivo desse estudo foi verificar a prevalência de Incontinência Urinária (IU), presença ou ausência de incomodo com a IU e observar as atividades mais comuns ao momento da perda urinária em mulheres da cidade de Botucatu. Método: Trata-se de um estudo epidemiológico transversal realizado nos dois hospitais com maternidade em funcionamento na cidade de Botucatu, Brasil. As mulheres foram entrevistadas durante internação para o parto, no momento pós-parto quando responderam a inquérito estruturado. Foram entrevistadas 299 mulheres, dessas 49 (16,4%) eram incontinentes e dentre as incontinentes 27 (55,1%) apresentavam Incontinência Urinária Mista (IUM) e 23 (46,9%) relataram incomodo referente a IU. Dentre as atividades mais comuns durante a perda de urina encontramos espirro, tosse, riso e quando estavam com forte desejo de urinar. Estes achados realçam a importância de investigações sobre a prevalência de IU assim como abordagem e assistência a mulheres com esse sintoma

Descrição

Palavras-chave

Enurese, Incontinência urinária, Estudos transversais, Mulheres - Doenças, Urinary incontinence, Botucatu (SP)

Como citar

VIANNA, Luana Schneider. Prevalência de perdas urinárias em uma amostra de mulheres de Botucatu. 2013. 57 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2013.