Potencial de nematóides entomopatogênicos para o controle da mosca-do-mediterrâneo Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae) e do gorgulho-da¬goiaba Conotrachelus psidii (Marshal) (Coleoptera: Curculionidae)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-02-26

Orientador

Batista Filho, Antonio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Proteção de Plantas) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Dentre os insetos pragas mais freqüentes e limitantes à produção de frutas, incluem-se a mosca-do-mediterrâneo, Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae), e o gorgulho-da-goiaba, Conotrachelus psidii (Marshal) (Coleoptera: Curculionidae). As larvas desses insetos se alimentam da polpa das frutas, sendo que no final dessa fase, os insetos descem para o solo onde se enterram e atravessam a fase de pupa. O objetivo do trabalho foi avaliar a virulência de 7 nematóides dos gêneros Steinernema e Heterorhabditis contra a mosca-do-mediterrâneo, e o potencial de Heterorhabditis indica Poinar, Karunakar & David 1992 no controle desse inseto e do gorgulho-da-goiaba. Foram realizados cinco experimentos, sendo um experimento em laboratório, três em casa de vegetação e um em campo. De acordo com os resultados, a mosca-do-mediterrâneo é suscetível aos nematóides quando exposta no estágio de pré-pupa e fase de pupa com 1 dia de desenvolvimento; O nematóide H. indica IBCB n5 mostrou-se como o mais virulento contra C. capitata. No teste de campo procurando avaliar H. indica IBCB n5 contra C. capitata e contra C. psidii, todos os tratamentos diferenciaram significativamente da testemunha. O nematóide apresentou-se bem mais eficiente contra a mosca-do¬mediterrâneo, com mortalidade do inseto de 66% e 93% para as dosagens de 1 e 10 JI/cm², respectivamente, do que contra o gorgulho-da-goiaba, com mortalidade de 33% e 50%, respectivamente, tendo todos esses tratamentos diferidos significativamente da testemunha

Resumo (inglês)

The fruit fly, Ceratitis capitata, and the guava weevil, Conotrachelus psidii, are among the most frequent and injurious pest of fruit crops. The insects larva feed on the fruit pulp and, at the end of this phase, the insects reach the soil where they spent their pupa phase. This research aimed to evaluate the virulence of 7 strains of entomopathogenic nematodes against the fruit fly in laboratory and green house conditions, and the efficiency of Heterorhabditis indica IBCB n5 against this insect and the guava weevil on field conditions. Five trials were done, being one trial done in laboratory, 3 in green house, and one at field condition. According to the results, the fruit fly is susceptible to the nematodes when exposed at the phases of pre-pupa and one day aged pupa. H. indica IBCB n5 was the most virulent nematode against C. capitata. At the field trial aiming to evaluate the efficiency of H. indica IBCB n5 against C. capitata and C. psidii, all the treatments with the nematode differed significantly from the control. H. indica IBCB n5 showed being much more virulent to the fruit fly, with insect mortality ranging from 66% to 93% at the dosages from 1 to 10 IJ/cm2, respective than to the guava weevil, with mortality ranging from 33 to 50%, respectively

Descrição

Idioma

Português

Como citar

SILVA, Alexandre Cândido da. Potencial de nematóides entomopatogênicos para o controle da mosca-do-mediterrâneo Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae) e do gorgulho-da¬goiaba Conotrachelus psidii (Marshal) (Coleoptera: Curculionidae). 2009. ii, 58 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2009.

Itens relacionados