Valor nutritivo e estudo cinético do trato digestivo de dietas contendo grãos secos ou ensilados de sorgo de baixo e alto tanino para eqüinos

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2007-12-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Zootecnia

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Quatro éguas sem raça definida (idade e peso corporal médios de seis anos e 400 kg) foram distribuídas em delineamento experimental em quadrado latino para se avaliar o valor nutritivo e o estudo cinético do trato digestivo de grãos secos ou ensilados de sorgo de baixo e alto conteúdos de tanino na alimentação de eqüinos. Os tratamentos consistiram de dietas contendo dois híbridos de grãos de sorgo (baixo e alto níveis de tanino) e dois métodos de conservação (secos e ensilados). As dietas foram isoprotéicas (12,4% PB), com ingestão diária de MS estabelecida em 1,5% PV (relação feno:concentrado de 50: 50). Os parâmetros de trânsito gastrintestinal avaliados foram: k1 (taxa de passagem pelo intestino grosso), k2 (taxa de passagem pelo estômago), TT (tempo de trânsito), TMR (tempo médio de retenção) e TMRT (tempo médio de retenção total). Os tratamentos não afetaram os coeficientes de digestibilidade aparente (CDa) da MS e do amido, cujos valores médios foram 54,04 e 98,91%, respectivamente. Verificou-se efeito benéfico da ensilagem dos grãos de sorgo de alto conteúdo de tanino sobre a digestibilidade da PB e FDN. A CDa da PB e FDN para a dieta contendo grãos secos de sorgo de alto teor de tanino foi de 49,76 e 32,20% e para as dietas com grãos de sorgo de baixo conteúdo de tanino (seco ou ensilado) e grãos ensilados de sorgo de alto teor de tanino foi de 65,63 e 43,32%, respectivamente. Obteve-se somente efeito do método de conservação dos grãos de sorgo (secos vs ensilados) sobre o TMR, em que o valor para as dietas com silagens de grãos ensilados e secos foi, respectivamente, de 40,08 e 37,9h. Concluiu-se que os grãos de sorgo secos de alto teor de tanino não devem ser usados como principal grão energético nos concentrados para eqüinos, por diminuírem a digestibilidade da proteína e fibra.

Resumo (inglês)

Four crosbred mares averaging six years and 400 kg BW were allotted to latin square design. The objective was to evaluate the nutritive values and kinetics of digestive tract of dry grains or high-moisture grains silage of sorghum with low and high tannin in the feeding of equines. The treatments consisted of diets containing two hybrids of sorghum grains (low and high tannin) and to methods of conservation (dry an ensiled). Diets were formulated to be isoprotein (12.4% CP) with daily DM intake established in 1.5% BW (hay to concentrate ratio of 50:50). The parameters of gastrointestinal transit were: k1 (passage rate in the large intestine); k2 (passage rate in the stomach); TT (transit time); MRT (mean retention time) and TMRT (mean total retention time). No effect treatment was observed for aCD of DM and starch, whose means values were 54.04 and 98.91%, respectively. A benefic effect of the ensiling of high tannin and high-moisture sorghum grains on digestibility of CP and NDF. The aCD of CP and NDF for diets containing high tannin and dry grains of sorghum was of 49.76% and 32.20% and for diets containing of low tannin sorghum grains (dry and ensiled) and high tannin and high-moisture sorghum grains was of 65.63 and 43.32%, respectively. There was effect only of the conservation method of the sorghum grains (dry versus ensiled) on the TMR, where the value for the diets with silages of high-moisture grains and dry grains was, respectively, of 40.08 and 37.9h. In conclusion, high tannin sorghum dry grains should not be used as the main grain in energetic concentrates for horses, because they reduced the digestion of protein and fiber.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Zootecnia. Sociedade Brasileira de Zootecnia, v. 36, n. 6, p. 1809-1819, 2007.

Itens relacionados

Financiadores