Óleo em dietas para ovinos alimentados com amido ou fibras solúveis em detergente neutro

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-11-17

Orientador

Ezequiel, Jane Maria Bertocco

Coorientador

Pós-graduação

Zootecnia - FCAV

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Objetivou-se avaliar a adição de lipídios em dietas contendo alto teor de amido ou fibra solúvel em detergente neutro (FSDN), sobre a digestibilidade e degradação in situ dos nutrientes, a taxa de diluição de fluidos, os parâmetros ruminais (pH, N-NH3, AGCC), a produção de CH4 e CO2, o desempenho dos animais, as características quantitativas da carcaça e qualitativas da carne de ovinos confinados. As dietas continham alto teor de FSDN (17,14% da MS) sem inclusão de óleo, alto teor de FSDN (16,35% da MS) com inclusão de 4,2% de óleo de girassol, alto teor de amido (30,14% da MS), sem inclusão de óleo e alto teor de amido (28,21% da MS) com inclusão de 4,2% de óleo de girassol. O delineamento experimental utilizado nos ensaios de digestibilidade e desempenho foi o inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 2 × 2, com duas fontes de carboidratos (FSDN e amido) e dois níveis de óleo (0% e 4,2%). A associação de óleo à dieta com alto teor de amido reduziu as digestibilidades da matéria seca, da fibra em detergente neutro e dos carboidratos não fibrosos. A inclusão de óleo associado às fontes de carboidratos não afetou o desempenho dos cordeiros. A inclusão de 4,2% de óleo de girassol à dieta rica em FSDN melhorou a composição em ácidos graxos da carne para o consumo. Quatro ovinos canulados no rúmen foram distribuídos em quadrado latino 4 × 4, para avaliação da degradação in situ. Maior degradação efetiva da matéria seca foi observada para as dietas ricas em FSDN. A inclusão de óleo não afetou as degradabilidades, efetiva e potencial da fibra. O milho foi o ingrediente com maior variação na degradação dos nutrientes. As diferentes dietas não influenciaram nos demais parâmetros da fermentação ruminal avaliados

Resumo (inglês)

Aimed to evaluate the additional fat in diets containing high starch or neutral detergent soluble fiber (NDSF) on digestibility and situ degradation of nutrients, fluid dilution rates, ruminal parameters (pH, NH3-N, SCFA), production of CH4 and CO2, animal performance, carcass quantitative characteristics and meat quality of sheep confined. The diets contained high concentration of NDSF (17,14% of DM) without inclusion of oil, high concentration of NDSF (16,35% of DM) with inclusion of 4,2% sunflower oil, high concentration of starch (30,14% of DM) without the inclusion of oil and high concentration of starch (28,21% of DM) with inclusion of 4,2% sunflower oil. The experimental design used in digestibility trials and performance was completely randomized in 2 × 2 factorial arrangement, with two sources of carbohydrates (NDSF and starch) and two oil levels (0% and 4,2%). The association of oil to the diet with high starch content reduced digestibility of dry matter, neutral detergent fiber and non-fibrous carbohydrates. The inclusion of oil associated with the sources of carbohydrates not affected the performance of lambs. The inclusion of 4,2% sunflower oil the diets with high concentration of NSDF improved fatty acid composition of meat for consumption. Four rumen cannulated sheep were distributed in 4 × 4 Latin Square design, to evaluate the in situ degradation. Increased effective degradation of dry matter was observed for diets with high concentration of NSDF. The inclusion of oil not affected the degradability, effective and potential of the fiber. Corn was the ingredient with greater variation in the degradation of nutrients. The different diets not affected the other parameters of rumen fermentation

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MORGADO, Eliane da Silva. Óleo em dietas para ovinos alimentados com amido ou fibras solúveis em detergente neutro. 2011. x, 105 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2011.