Arquitetura de microsserviços para o sistema de controle em clínicas de reabilitação: uma abordagem modular e escalável

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-12-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O avanço tecnológico impulsiona o desenvolvimento de sistemas de informação para aprimorar a eficiência e a qualidade dos serviços de saúde. Diversos sistemas utilizam tecnologia na reabilitação; no entanto, em geral, carecem de ferramentas que facilitem a manutenção e escalabilidade. Nesta dissertação apresenta-se uma abordagem de arquitetura de microsserviços para o controle em clínicas de reabilitação, com o objetivo de criar um ambiente modular, escalável e de fácil manutenção. A arquitetura proposta é composta por cinco componentes interconectados: Interface de Usuário, Banco de Dados, Serviço de Autenticação e Emissão de Tokens, Componente Central (representado pelo Servidor de Aplicação) e Serviços. Essa abordagem possibilita a divisão do sistema em componentes independentes, cada um responsável por uma funcionalidade específica, facilitando o desenvolvimento, manutenção e evolução do sistema. A arquitetura oferece benefícios específicos que impactam positivamente o desempenho e a adaptabilidade do sistema, como personalização para atender necessidades clínicas, integração de recursos visuais para análise de dados e facilidade de registro e acompanhamento de pacientes. No entanto, limitações, como a dependência da precisão dos dados fornecidos por profissionais de saúde e a necessidade de treinamento para uma utilização eficaz do sistema, são reconhecidas. A validação da implementação foi conduzida por meio de interações com profissionais da saúde, incorporando sugestões para aprimorar usabilidade e eficácia. Destacou-se a importância da personalização oferecida pelo Painel do Paciente, possibilitando uma visão individualizada do progresso e das necessidades de cada paciente. Os resultados obtidos até o momento evidenciam o potencial desta abordagem para otimizar o gerenciamento de pacientes e melhorar os cuidados durante o processo de reabilitação.
Technological advancement drives the development of information systems to enhance the efficiency and quality of healthcare services. Many systems incorporate technology in rehabilitation; however, they generally lack tools that facilitate maintenance and scalability. This thesis presents a microservices architecture approach for control in rehabilitation clinics, aiming to create a modular, scalable, and easily maintainable environment. The proposed architecture consists of five interconnected components: User Interface, Database, Authentication and Token Issuance Service, Central Component (represented by the Application Server), and Services. This approach allows the system to be divided into independent components, each responsible for specific functionality, easing development, maintenance, and system evolution. The architecture offers specific benefits that positively impact system performance and adaptability, such as customization to meet clinical needs, integration of visual resources for data analysis, and ease of patient registration and monitoring. However, limitations, such as dependence on the accuracy of data provided by healthcare professionals and the need for training for effective system use, are acknowledged. Implementation validation was conducted through interactions with healthcare professionals, incorporating suggestions to improve usability and effectiveness. The significance of customization offered by the Patient Dashboard was emphasized, providing an individualized view of each patient’s progress and needs. The results obtained so far highlight the potential of this approach to optimize patient management and improve care during the rehabilitation process.

Descrição

Palavras-chave

Arquitetura de microsserviços, Clínicas de reabilitação, Sistema de informação de saúde

Como citar

BARROS, Pedro Henrique Nunes. Arquitetura de microsserviços para o sistema de controle em clínicas de reabilitação: uma abordagem modular e escalável. Orientador: José Remo Ferreira Brega. 2023. 69 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Faculdade de Ciências, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Bauru, 2023. Disponível em: https://hdl.handle.net/11449/253038. Acesso em: 26 jan. 2024