A construção do projeto político-pedagógico das escolas do campo do município de Araraquara

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010

Autores

Brancaleoni, Ana Paula Leivar [UNESP]
Pinto, José Marcelino de Rezende

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

This study aimed to analyze the process of developing and implementing a politicalpedagogical project for rural schools in the city of Araraquara, focusing on one of the schools served. This is an ethnographic qualitative study. The instruments of data collection were participant observation, semi-structured interviews and documentary analysis. It was observed are a change in the community organization throughout the process, with regard to a more active attitude on the part of its members, who have pursued other means to claim the fulfillment of their demands by the Government and relevant institutions, which points to the pedagogical character of participation in the movement to fight for the education they desire. It was also noticed a process of re-signification by the subjects, of their own community identity while seated in an agrarian reform project, as well as a more effective participation of those in everyday life and school organization. It was also observed changes in indicators of school, with an increase in the achievement of students as well as reducing the dropout rate to zero, and the reduction of absenteeism of teachers.
O presente trabalho teve por objetivo analisar o processo de elaboração e implementação de um projeto político-pedagógico para as escolas do campo do Município de Araraquara, tendo como foco uma das escolas atendidas. Trata-se de um estudo qualitativo de cunho etnográfico. Os instrumentos de coleta de dados foram: observação participante, entrevistas semi-estruturadas e análise documental. Constatam-se mudanças no âmbito da organização comunitária, ao longo do processo, no que diz respeito a uma postura mais ativa por parte dos seus membros que passaram a buscar outros meios para reivindicar o atendimento de suas demandas por parte do Poder Público e órgãos competentes, o que aponta para o caráter pedagógico da participação no movimento de luta pela educação que desejam. Notam-se, também, um processo de ressignificação, por parte dos sujeitos, da própria identidade comunitária enquanto assentados de um projeto de reforma agrária, bem como uma participação mais efetiva, dos mesmos, no cotidiano e organização da escola. Observam-se, ainda, modificações nos indicadores da escola, havendo um aumento no sucesso escolar dos alunos, bem como a redução a zero do índice de evasão, além da diminuição do absenteísmo de professores.

Descrição

Palavras-chave

Rural education, Political-pedagogical, Social movements, Educação do campo, Projeto político-pedagógico, Movimentos sociais

Como citar

Nuances, v. 17, n. 18, p. 161-180, 2010.