Produção de L(+)-ácido lático por lactobacillus rhamnosus através de batelada alimentada

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011

Orientador

Contiero, Jonas
Coelho, Luciana Fontes

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Ciências Biológicas - IBRC

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Trabalho de conclusão de curso

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

O Ácido Lático é um ácido orgânico que possui uma ampla gama de aplicações nas indústrias farmacêuticas, químicas e de alimentos. Ultimamente ele tem sido considerado promissor como bloco na construção de polímeros biodegradáveis (PLA), os quais podem ser usados na produção de plásticos biodegradáveis como embalagens de alimentos e utensílios plásticos e assim substituir os produtos derivados do petróleo. O Ácido Lático pode ser produzido tanto por síntese química como através da fermentação por micro-organismos. As bactérias que produzem ácido lático são chamadas de bactérias láticas e podem produzir D-(-)-ácido lático puro, L-(+)-ácido lático puro ou uma mistura racêmica dos dois isômeros. A produção de somente um dos isômeros puro é uma grande vantagem de se produzir Ácido Lático por fermentação, uma vez que uma mistura racêmica é produzida via síntese química, além disso, a produção a partir da fermentação é mais econômica. Assim, vários estudos estão sendo feitos com o objetivo de se baratear o processo de fermentação lática e de se aperfeiçoar este processo. Este estudo visa à avaliação da produção de L-(+)-ácido lático por Lactobacillus rhamnosus B103 em reator pela utilização de batelada alimentada, uma vez que este processo tem se mostrado o mais eficiente em diversos estudos. Existem vários tipos de alimentação: batelada alimentada por pulso, batelada alimentada por fluxo constante, batelada alimentada com controle por pH stat. Neste presente estudo foram avaliados além do processo de batelada, vários processos de batelada alimentada, como a batelada alimentada com controle por pH stat, batelada alimentada por pulso e batelada alimentada por fluxo constante. O processo de batelada alimentada por fluxo constante foi no qual se obteve a maior concentração final de ácido lático (149,8 g L-1), mas, a melhor... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

OLIVEIRA, Paola Monteiro de. Produção de L(+)-ácido lático por lactobacillus rhamnosus através de batelada alimentada. 2011. 44 f. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado e licenciatura - Ciências Biológicas) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 2011.

Itens relacionados

Financiadores