Padrões fenológicos em ecossistemas em processo de restauração e em fragmento florestal vizinho

Imagem de Miniatura

Data

2011-05-26

Autores

Homem, Marcos das Neves Gusmão [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A avaliação do sucesso da restauração depende do monitoramento de indicadores de trajetórias sucessionais em áreas restauradas, em relação a ecossistemas de referência. A fenologia também pode ser utilizada como um critério de monitoramento nestas áreas, por estar associada aos processos de reprodução, recrutamento e herbivoria nessas comunidades. Estudos fenológicos de espécies plantadas são essenciais para que se conheça seu comportamento em um ambiente diferente do natural. O objetivo deste trabalho foi analisar se comunidades em processo de reestruturação apresentam funcionamento semelhante a um ecossistema de referência, em relação a alguns aspectos fenológicos. O estudo foi realizado no município de Botucatu, SP, onde foi instalado há 11 anos um experimento de diferentes modelos de restauração com 5 tratamentos e três repetições. O fragmento de referência tem cerca de 303 ha, e situa-se a 100 m do experimento de restauração. Foram observadas quinzenalmente e quantificadas as fenofases: floração, frutificação, brotamento e mudança foliar. Foram selecionados 333 indivíduos no fragmento florestal de 48 espécies. Na área restaurada foram selecionados indivíduos de todas as espécies encontradas em idade reprodutiva e algumas que ainda não a atingiram, somando 363 indivíduos de 46 espécies. Foram computadas as intensidades médias das fenofases por quinzena entre todas as espécies estudadas. Para indicar a porcentagem de indivíduos que estavam manifestando determinada fenofase foi calculado o índice de atividade. Foi calculado também o índice de sazonalidade para cada fenofase em cada tratamento. A atividade da fenofase floração e frutificação foram maiores nos indivíduos da área em restauração o que pode estar relacionada à menor competitividade e maior disponibilidade de radiação solar...
The evaluation of the success of restoration depends on the monitoring indicators of successional trajectories in restored areas, in relation to reference ecosystems. Phenology can also be used as a criterion for monitoring these areas because it is associated to the processes of reproduction, recruitment and herbivory in these communities. Phenological studies of planted species are essential to know whether their behavior in an environment different from natural. The objective was to examine whether communities in the restructuring process have run similar to an ecosystem of reference in relation to some aspects of phenology. The study was conducted in Botucatu, Brazil, where it was installed 11 years ago an experiment with different models catering with 5 treatments and three replications. The fragment in question has about 303 ha and is located 100 m from the restoration experiment. Were observed and quantified fortnightly phenophases flowering, fruiting, budding and leaf changes. We selected 333 individuals in 48 species of forest fragment. In the restored area were selected individuals of all species found in reproductive age and some who have not yet reached, totaling 363 individuals from 46 species. We computed the mean intensities of both clones by half of all species. To indicate the percentage of individuals who were expressing particular phenology index was calculated activity. The index was also calculated for each seasonal phenology in each treatment. The activity of flowering and fruiting phenology were higher in subjects from the area in which restoration may be related to lower competitiveness and greater availability of solar radiation. The melittophily and zoochory syndromes were more frequent, being found in 4 of 5 treatments in restoration of the area and this is the pattern found in the forest fragment. All treatments were most brevideciduous species... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Fenologia, Mata Atlântica, Restauração ecologica, Monitoramento florestal, Phenology, Ecological restoration, Environmental monitoring, Atlantic Rainforest

Como citar

HOMEM, Marcos das Neves Gusmão. Padrões fenológicos em ecossistemas em processo de restauração e em fragmento florestal vizinho. 2011. xii, 113 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2011.