Discurso social, história e política no romance histórico contemporâneo de língua portuguesa: Leminski, Lobo Antunes e Pepetela

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2005-03-17

Autores

Mello, Claudio José de Almeida [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Análise crítica comparativa de três romances históricos contemporâneos de língua portuguesa, publicados no último quartel do século XX: Catatau (1975), do brasileiro Paulo Leminski, As naus (1984), do português António Lobo Antunes, e A gloriosa família: o tempo dos flamengos (1997), do angolano Pepetela. Adotando a metodologia sociocrítica, que considera as obras como práticas culturais das sociedades a que pertencem, parte do discurso social presente nas obras para estudar o aspecto político-ideológico dos procedimentos estéticos, sobretudo os filiados ao pós-modernismo, utilizados para estabelecer um diálogo com a história, que envolve a problematização em torno da formação da identidade. Analisa a ênfase dada a recursos como a auto-reflexividade e a intertextualidade, os quais acentuam a dimensão discursiva, imaginativa e relativa da História, com o fim de explicitar nas narrativas as suas subjacentes concepções de representação, de realidade, de verdade, com os fundamentos epistemológicos do materialismo histórico dialético. A justificativa para essa delimitação deve-se ao gênero das obras, romance histórico, o qual engendra questões relacionadas à construção de um modelo utópico de sociedade e à existência de uma verdade, como se nota na opção pela revisão da História, em meio a um panorama de desencanto das esquerdas com a construção de um projeto alternativo ao hegemônico, da sociedade do sistema capitalista. O objetivo é verificar em que medida se configura nas obras a dialética entre radicalidade estética e ideológica, voltadas para a problematização da condição de dominação do homem na construção da tradição, com o intuito de perceber a validade de se considerar os romances como de oposição à História oficial ou à ordem dominante. A comparação entre os três romances permite...
Comparative critic analysis of three contemporary historic novels of Portuguese language, published in the last quarter of the century XX: Catatau (1975), by the Brazilian Paulo Leminski, As Naus (1984), by the Portuguese Antonio Lobo Antunes, and A Gloriosa família: O tempo dos flamengos (1997), by the Angolan Pepetela. Adopting the sociocritical methodology, which considers the works as cultural practices of the societies they belong to, arises from the social discussion present in the works with the objective to study the political-ideologic aspect of the aesthetic procedures, mainly the ones affiliated to the post-modernism, used to establish a dialogue with the history, that comprises the troubling around the identity formation. It analyses the emphasys given to resources such as the auto-reflexivity and the intertextuality, which accentuate the discursive, imaginative and relative dimension of the History, in order to demonstrate in the narratives its unstated conceptions of representation, of reality, of truth, with the epistemologic basis of the historic dialectic materialism. The justification for this delimitation has to do with the type of the works, historic novel, which engender questions related to the construction of a utopian model of society and to the existence of a truth, as it is realized when it is opted for the review of the History, within a panorama of disenchanting of the Left caused by a construction of an alternative project through the hegemonic, of the Capitalist system society.The objective is verify how it is configured in the works the dialectics between the aesthetic and ideological radicalism, directed to the troubling of the condition of dominance of the man on the tradition construction, with the intention of noticing the validity of considering the novels as an opposition to the official History, or to the dominant order. The comparation among... (Complete abstract, click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Pos-modernismo (Literatura), Literatura comparada, Contemporary historic novel, Post-modernism, Literature, history and politics

Como citar

MELLO, Claudio José de Almeida. Discurso social, história e política no romance histórico contemporâneo de língua portuguesa: Leminski, Lobo Antunes e Pepetela. 2005. 286 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras de Assis, 2005.