Show simple item record

dc.contributor.advisorMôro, Gustavo Vitti [UNESP]
dc.contributor.authorCaprio, Carlos Henrique [UNESP]
dc.date.accessioned2017-04-12T19:56:07Z
dc.date.available2017-04-12T19:56:07Z
dc.date.issued2017-02-21
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/150174
dc.description.abstractO milho é o cereal mais produzido no mundo, porém demanda altas doses de fertilizantes nitrogenados, elevando os custos de produção. Como alternativa, bactérias do gênero Azospirillum associadas às raízes tem potencial de disponibilizar nitrogênio às plantas e, assim, reduzir esses custos. Portanto, o objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito da interação de variedades de milho com a bactéria Azospirillum brasilense inoculada via pulverização sobre o solo entre os estádios fenológicos V3 e V5, em duas épocas de semeadura, para diversos caracteres agronômicos. Os experimentos foram realizados no delineamento de blocos ao acaso, com cinco repetições, utilizando 12 variedades experimentais e duas comerciais em dois experimentos distintos: 1) sem adubação nitrogenada de cobertura e com inoculação em pulverização sobre o solo com Azospirillum brasilense. 2) com adubação nitrogenada em cobertura e sem inoculação com Azospirillum brasilense. Os dados foram submetidos a análise de variância, testes de médias de Tukey e t de Student. O experimento foi conduzido na safra 2015/16 e safrinha 2016, avaliando-se os caracteres produtividade de grãos, altura de planta, altura de espiga, prolificidade, índice de conteúdo de clorofila e NDVI (Índice de Vegetação por Diferença Normalizada) em quatros estádios fenológicos. Observou-se efeito da inoculação para prolificidade, altura de planta e produtividade na safra, índice de conteúdo de clorofila, altura de planta, NDVI (4) e produtividade na safrinha. Os genótipos se diferenciaram para todos os caracteres na safra, não diferindo apenas para prolificidade, NDVI (1), (2) e (3), na safrinha. Ocorreu interação genótipo vs inoculação para a prolificidade e NDVI (2) na safrinha. A inoculação por pulverização sobre o solo com a bactéria Azospirillum brasilense entre os estádios V3 e V5 favorece o desempenho dos caracteres, assim como da produtividade de grãos em ambas as safras. O efeito do Azospirillum brasilense em promover o desenvolvimento das variedades de milho é mais evidenciado na safrinha. O NDVI foi pouco elucidativo em avaliar o efeito da interação das variedades milho frente à inoculação com A. brasilense na safrinha.pt
dc.description.abstractMaize crop is the most produced cereal in the world, but it demands high doses of nitrogen fertilizers, increasing the production costs. Alternatively, bacteria of the Azospirillum genus associated with the roots have the potential of making nitrogen available to the plants and, thus, reducing these costs. Then, the aim of this research was to evaluate the interaction effect of maize varieties with Azospirillum brasilense inoculated by spraying on the ground between the growth stages V3 and V5, for different agronomic characteristics, in different seasons. The experiment was carried out in a randomized complete block design with five replications, using 12 experimental and two commercial varieties in two different treatments: 1) without nitrogen fertilization in cover and under spraying inoculation on the ground with Azospirillum brasilense; 2) under nitrogen fertilization in cover and without inoculation with Azospirillum brasilense. The data have submitted to analysis of variance, Tukey averages and Student t tests. The experiment was conducted in the 2015/16 and 2016/16 seasons, evaluating grain yield, plant height, ear height, prolificacy, chlorophyll content index and NDVI (Normalized Difference Vegetation Index) in four growthstages. The inoculation was effective for prolificacy, plant height and yield in the season, chlorophyll content index, plant height, NDVI (4) and yield in the late season. The genotypes differed for all traits at season and did not differentiate for prolificacy, NDVI (1), (2) and (3) at late season. Genotype vs. inoculation interaction occurred for prolificacy and NDVI (2) at late season. The inoculation by spraying on the soil with the bacterium Azospirillum brasilense between stages V3 and V5 favors the performance of the characters, as well as grain yield in both crops. The effect of A. brasilense on promoting the development of maize varieties is more evident at the late season. The NDVI was little elucidative in evaluating the effect of the interaction of the maize varieties against the inoculation with A. brasilense in the late season.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectZea mays L.pt
dc.subjectBactéria diazotróficapt
dc.subjectCaracteres agronômicospt
dc.subjectNitrogêniopt
dc.subjectSafraspt
dc.subjectDiazotrophic bacteriaen
dc.subjectAgronomic traitsen
dc.subjectNitrogenen
dc.subjectCropsen
dc.titleInteração de variedades de milho sob inoculação com Azospirillum brasilense em diferentes épocas de semeadurapt
dc.title.alternativeInteraction of maize varieties under inoculation with Azospirillum brasilense in different seeding seasonsen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia (Genética e Melhoramento de Plantas) - FCAVpt
unesp.knowledgeAreaGenética e melhoramento de plantaspt
unesp.researchAreaMelhoramento e Avaliação de Cultivares de Milhopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Jaboticabalpt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000883937
dc.identifier.capes33004102029P6
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record