Show simple item record

dc.contributor.advisorChristofoletti, Anderson Luiz Hebling
dc.contributor.advisorBarbosa e Souza, Lucas
dc.contributor.authorPinto, Paulo Henrique Pereira [UNESP]
dc.date.accessioned2017-11-20T14:00:41Z
dc.date.available2017-11-20T14:00:41Z
dc.date.issued2017-11-07
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/152114
dc.description.abstractA região sudeste do Estado do Tocantins apresenta longos períodos de ausência de chuva com variabilidade significativa do início ao término da estação chuvosa (outubro a abril). Durante esses períodos, são verificados inúmeros transtornos à população rural desta área, principalmente no que se refere ao abastecimento para consumo e produção da agricultura familiar. Diante dessa situação, o governo do Estado implantou projetos para mitigar os efeitos da falta d’água na região. Entretanto, devido aos critérios de aplicação, os projetos não apresentaram resultados satisfatórios. Nesse sentido, esta pesquisa pretende fornecer subsídios ao planejamento e à gestão da bacia hidrográfica do Rio Palma, a partir de uma proposta metodológica que aborda de forma sistêmica os processos físico-naturais e a dinâmica climática, assim como aspectos sociais, que podem ter relação com o fenômeno. A abordagem metodológica desta pesquisa foi realizada em três etapas: na primeira, foi realizada uma adaptação da Análise Empírica da Fragilidade Ambiental, que consiste na síntese do estudo das fragilidades ambientais com base em características do relevo, solo, cobertura vegetal e da pluviosidade. Algumas das principais características da bacia hidrográfica foram averiguadas por meio da análise morfométrica, assim como dados relacionados à morfologia, pedologia, geologia e vegetação. Na segunda etapa buscou-se conhecer os aspectos da Gênese e Dinâmica climática regional e local. Para tanto, foi realizada a análise dos tipos de tempo e da participação dos sistemas atmosféricos, a qual consiste na identificação das massas de ar geradoras de chuvas e da sucessão habitual e excepcional dos estados atmosféricos em uma determinada área. Para isso, foram utilizados dados meteorológicos do Instituto Nacional de Meteorologia e hidrológicos da Agência Nacional de Águas. A terceira etapa consistiu na identificação da Vulnerabilidade Social da população da bacia hidrográfica do Rio Palma por meio da aplicação do Índice de Vulnerabilidade Social (IVS). Por fim, produziu-se uma análise integrada entre a fragilidade ambiental e a vulnerabilidade social. A realização de estudos como este no Estado do Tocantins é de grande relevância, principalmente devido à sua contribuição para o direcionamento de novas abordagens, sobretudo em face do contexto de fronteira agrícola vivenciado pelo Estado, tanto por motivos ambientais quanto econômicos e sociais.pt
dc.description.abstractThe Southeast region of Tocantins State presents large periods of lack of rain, and demonstrates significant variability over all the rainy season (from October to April). Through these periods, are noticed innumerous problems to the rural population of this area, mainly concerning to the rural supply of water to consumption and to familiar agriculture production. In this context, Tocantins State has implemented projects to mitigate the water scarcity effects in that region. Nevertheless, due to the criteria of application, these projects have not presented satisfactory results. In this regard, this research aims to provide subsides to the planning and to the management of the Rio Palma hydrographic basin, from a methodological approach that considers, in a systemic way, the physical-natural processes and the climatic dynamic, as well social aspects that may be related to the phenomenon. The methodological approach of this research had been carried out in three steps: first, it was made an adaptation of the Empirical Analysis of Environmental Fragility, that consists in the synthesis of the environmental fragility studies based on relief, soil, vegetal cover and pluviosity characteristics. Some of the main characteristics of the hydrographical basin had been verified through the morphometric analysis, as well by dates related to the morphology, pedology, geology and vegetation. In the second step, had been researched aspects related to the regional and local climatic Genesis and Dynamic. In order to do this, had been executed the analysis of two types of weather and the role of the participation of atmospheric systems, that consists in the identification of air masses that generate rain, and the usual and exceptional succession of atmospheric states in a given area. To proceed to this, had been considered meteorological dates from the National Institute of Meteorology, and hydrological dates obtained by the Water National Agency. The third step was composed by the identification of the Social Vulnerability of the population of the Rio Palma hydrographical basin through the application of Social Vulnerability Index (SVI). Finally, it was conducted an analysis between the environmental fragility and the social vulnerability. The realization of studies like this one in the Tocantins State is quite relevant, mainly due to his contribution to the targeting of new approaches, chiefly considering the current context of agrarian boundary experienced by the State, for environmental as well economic and social reasons.pt
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectDéficit hídricopt
dc.subjectSecapt
dc.subjectAgricultura de Subsistênciapt
dc.subjectSegurança Hídricapt
dc.subjectWater deficitpt
dc.subjectDroughtpt
dc.subjectSubsistence farmingpt
dc.subjectWater Securitypt
dc.titleA vulnerabilidade socioambiental na Bacia Hidrográfica do Rio Palma, Estado do Tocantins, Brasilpt
dc.title.alternativeThe socio-environmental vulnerability of the Rio Palma Hydrographical Basin, in Tocantins State, Brazilpt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramGeografia - IGCEpt
unesp.knowledgeAreaOrganização do espaçopt
unesp.researchAreaAnálise ambientalpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claropt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000894339
dc.identifier.capes33004137004P0
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record