Show simple item record

dc.contributor.advisorAnaruma, Carlos Alberto [UNESP]
dc.contributor.authorAscenção, Manuela Lauand [UNESP]
dc.date.accessioned2018-09-19T17:27:15Z
dc.date.available2018-09-19T17:27:15Z
dc.date.issued2017
dc.identifier.citationASCENÇÃO, Manuela Lauand. Transtornos de imagem corporal, culto ao corpo e esteroides anabolizantes: uma revisão de literatura. 2017. 31 f. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Educação Física) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro), 2017.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/156406
dc.description.abstractA cultura pós-moderna regida pelas leis do mercado, do consumo e do espetáculo é definida como a cultura da troca de valores, do vazio, do imediatismo, do narcisismo. A influência desta cultura faz o 'parecer' se sobrepor ao 'ser'. Atualmente tem ocorrido uma intensificação do culto ao corpo, em que é cada vez mais crescente a preocupação com a imagem e a estética. Deste modo, os padrões de beleza de nossa sociedade influenciam muito na imagem corporal das pessoas, incitando a busca por artifícios nem sempre saudáveis para o encontro deste corpo perfeito idealizado, entre eles a prática exagerada de exercícios, cirurgias plásticas estéticas, bulimia, uso de esteróides anabolizantes, entre outros. A mídia veicula imagens de corpos perfeitos através de comerciais, novelas e filmes, causando assim um impacto na sociedade e uma busca desenfreada pela perfeição, acoplando uma vaidade excessiva que pode desencadear problemas psicológicos nos indivíduos. Nas ultimas décadas, pudemos observar o crescimento do consumo de esteróides anabolizantes, suplementos e fármacos por frequentadores de academia e praticantes de musculação em busca do corpo ideal no menor período de tempo possível. Neste aspecto, é necessário investigar algumas vertentes da história dos esteróides anabolizantes, seu uso com fins estéticos e a visão do corpo ideal ao longo dos anos. Assim, o objetivo deste trabalho é apresentar reflexões sobre como o transtorno de imagem corporal e a influência da mídia podem ser elementos motivadores, e, portanto, um fator de risco ao consumo de esteróides anabolizantes por indivíduos não atletas frequentadores de academiaspt
dc.format.extent31 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEsportes - Aspectos psicológicospt
dc.subjectEsteróides anabólicospt
dc.subjectImagem corporalpt
dc.subjectVigorexiapt
dc.subjectEstéticapt
dc.subjectSuplementos dieteticospt
dc.titleTranstornos de imagem corporal, culto ao corpo e esteroides anabolizantes: uma revisão de literaturapt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Biociências, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000897426
dc.identifier.filehttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/capelo/2018-03-20/000897426.pdf
unesp.undergraduateEducação Física - IBRCpt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record