Show simple item record

dc.contributor.advisorBraga, Antonio Celso de Oliveira [UNESP]
dc.contributor.advisorSantos, Fernando Acácio Monteiro dos [UNESP]
dc.contributor.authorZanetti, Natália [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:26:10Z
dc.date.available2014-06-11T19:26:10Z
dc.date.issued2012-06-28
dc.identifier.citationZANETTI, Natália. Estimativa da vulnerabilidade natural do aquífero livre no município de Rio Claro/SP. 2012. 110 f. Dissertação - (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2012.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/92733
dc.description.abstractA estimativa da vulnerabilidade intrínseca dos aquíferos é de extrema importância como ferramenta de gestão da qualidade e quantidade das águas nas cidades. O município de Rio Claro/SP possui boa parte de seu território sobre a Formação Rio Claro, que se assenta sobre a Formação Corumbataí e apresenta solo e litofácies arenosas intercalados por camadas de conglomerados e sedimentos argilosos. Este trabalho objetivou elaborar mapas de vulnerabilidade à contaminação das águas subterrâneas, por meio da aplicação dos métodos GOD de Foster & Hirata (1988), e DRASTIC de Aller et al. (1987) voltados para o aquífero livre de Rio Claro. O objetivo foi determinar a vulnerabilidade natural do aquífero a partir de informações como grau de confinamento, litologia dos estratos acima da zona saturada, profundidade do nível d’água, recarga e material do aquífero, topografia, tipo de solos e condutividade hidráulica. Dados secundários resultantes de ensaios geofísicos que utilizaram a técnica da sondagem elétrica vertical permitiram a caracterização da litologia da Formação Rio Claro, além de estimar a condutividade hidráulica da região a partir da equação de Kozeny–Carman–Bear dada por Domenico e Schwartz (1990). O mapa de vulnerabilidade obtido pela aplicação do método GOD demonstra que a área de estudo é altamente vulnerável, informação correspondente a estudos realizados em menor escala. Com o uso do método DRASTIC, a maior parte da área é classificada como de baixa e moderada vulnerabilidade, entretanto, com a normalização das escalas, o resultado foi similar ao obtido com a aplicação do método GOD. Na disponibilidade de dados, indica-se o método DRASTIC, porém a análise preliminar resultante da aplicação do método GOD oferece bons resultados, observada a margem de erro. Análises qualitativas...pt
dc.description.abstractThe evaluation of intrinsic vulnerability of aquifers is extremely important as a management tool for quality and quantity of water in the cities. The city of Rio Claro/SP, has much of its territory on Rio Claro Formation, which is based on Corumbataí Formation and presents thick sandy soil and sandy lithofacies with intercalated layers of conglomerates and clay sediments. This work aims to produce maps of vulnerability to contamination of water through the application of the methods GOD Foster & Hirata (1988), and DRASTIC of Aller et al. (1987) adapted to the unconfined aquifer in the Rio Claro. The objective was determine the intrinsic vulnerability of the aquifer from information such as degree of confinement of groundwater, unsaturated zone lithology, depth of the groundwater level, recharge and aquifer material, topography, soil type and hydraulic conductivity. Secondary data resulting from trials that used resistivity method and vertical electrical sounding technique also allowed the characterization of the lithology of the Rio Claro Formation, and the estimation of hydraulic conductivity in the region from the use of the equation of Kozeny-Carman-Bear given by Domenico and Schwartz (1990). The vulnerability map obtained by GOD methodology demonstrates that the area of the unconfined aquifer in Rio Claro is highly vulnerable, information relevant to studies on a smaller scale. Using the method DRASTIC, the map classified as most of the area of low and moderate vulnerability, however with the normalization of scales, the result was similar to that of GOD. In data availability, it is indicated DRASTIC method, but the preliminary results of GOD method provides good results, observed the error rate. Qualitative analysis can become superficial, and it is necessary to quantify the vulnerability. For this, we used the methodology of solving the... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.format.extent110 f. : il., tabs.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectÁguas subterrâneaspt
dc.subjectAquiferos - Contaminaçãopt
dc.subjectHidrogeologiapt
dc.titleEstimativa da vulnerabilidade natural do aquífero livre no município de Rio Claro/SPpt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramGeociências e Meio Ambiente - IGCEpt
unesp.knowledgeAreaGeociências e meio ambientept
unesp.researchAreaRecursos hídricos e energéticospt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000701757
dc.identifier.filezanetti_n_me_rcla.pdf
dc.identifier.capes33004137036P9
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record