Estudo morfológico, morfométrico e imunoistoquímico de próstatas caninas normais e hiperplásicas

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2003

Autores

Di Santis, Giovana Wingeter [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A próstata canina é sítio freqüente de afecções, entre as quais destaca-se a hiperplasia prostática benigna (HPB) visto sua alta freqüência, as similaridades observadas entre a doença nesta espécie e no homem, assim como o fato de ser a única espécie não humana a desenvolvê-la espontaneamente. Foram avaliadas macro e microscopicamente 100 próstatas, das quais selecionaram-se 15 imaturas, oito normais e 15 hiperplásicas para estudo morfométrico e imunoistoquímico. A incidência de alterações prostáticas foi alta entre os animais adultos e idosos, sendo a hiperplasia do tipo complexo a mais freqüente. A marcação imunoistoquímica com o anticorpo de uso humano PSA mostrou-se forte e homogênea no epitélio secretor de próstatas caninas normais e hiperplásicas. A análise morfométrica do tecido prostático revelou que há diferenças morfológicas entre as regiões periuretral, central e periférica em glândulas caninas imaturas, normais e hiperplásicas. De modo geral próstatas imaturas continham predomínio de tecido estromal, enquanto nas normais e hiperplásicas o tecido epitelial predominou. A diferença entre glândulas normais e hiperplásicas deu-se pela maior quantidade de tecido estromal e menor de tecido epitelial nas regiões central e periférica das próstatas hiperplásicas. Palavras-chave: Próstata, cão, hiperplasia, imunoistoquímica, morfometria.
Canine prostate is a frequent site of disease, the benign prostatic hyperplasia (BPH) is one of the most importance, since is frequent, very similar to this disease in human beings and the dog is the only specie that develop BPH spontaneously. Gron and histopathological study of 100 prostate glands were evaluated and 15 imature, 8 normal and 15 hyperplastic prostate were selected for morphometric and immunohistochemical study. The incidence of prostatic changes was high in adult and elder animals and complex hyperplasia was more frequent. PSA immunohistochemistry was strong and homogeneous in the secretor epithelial cells in normal and hyperplastic prostate gland. Prostatic tissue morphometric analysis showed morphological differences between periurethral, central and peripherical regions in imature, normal and hyperplastic canine glands. Imature prostate had more stromal tissue and in normal and hyperplastic glands the epithelial component was predominant. The difference between normal and hyperplastic glands was the higher amount of stromal tissue and lower epithelial component in central and peripherical regions of hyperplastic prostate. Key words: Prostate, dog, hyperplasia, immunohistochemistry, morphometry.

Descrição

Palavras-chave

Cão - Doenças - Estudos experimentais, Patologia veterinaria

Como citar

DI SANTIS, Giovana Wingeter. Estudo morfológico, morfométrico e imunoistoquímico de próstatas caninas normais e hiperplásicas. 2003. 128 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu, 2003.