Show simple item record

dc.contributor.authorJabbour, Charbel José Chiappetta [UNESP]
dc.date.accessioned2014-10-01T13:08:57Z
dc.date.available2014-10-01T13:08:57Z
dc.date.issued2014
dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0103-65132014005000009
dc.identifier.citationProduction. Associação Brasileira de Engenharia de Produção, n. ahead, p. 0-0, 2014.
dc.identifier.issn0103-6513
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/110254
dc.description.abstractThe purpose of this paper is to analyze the integration of environmental issues in the context of manufacturing function/production (or operations), which is considered the organizational area that should lead corporate environmental management. We present a background on the greening of the manufacturing area, especially in terms of product development, process, quality management and logistics. Four case studies of Brazilian companies are presented as part of the study, and it is found that the maturity level of these companies' environmental management tends to follow the degree to which the environment has been inserted into subareas of production, especially in the process of product development. However, difficulties encountered in greening a company's logistics activities are also recognized in most cases. It is concluded that companies can overcome this challenge by adopting new concepts of green supply chain management. The notes highlight the observed distance between arguments in the international literature and the reality of Brazilian companies on the greening of manufacturing aspects.en
dc.description.abstractO propósito deste artigo é analisar a inserção das questões ambientais no contexto da função produção/manufatura (ou operações), a qual é referenciada como a área organizacional que deve liderar a gestão ambiental empresarial. Para tanto, sistematizou-se o referencial teórico sobre o esverdeamento da área de produção, com implicações para o desenvolvimento de produto, processo, gestão da qualidade e logística. Tendo em vista que esse campo de pesquisa carece, ainda, de evidências empíricas, optou-se pela realização de quatro estudos de caso em empresas localizadas no Brasil. Constatou-se que o nível de maturidade da gestão ambiental dessas empresas tende a acompanhar o grau com que a questão ambiental é inserida nas subáreas de produção, principalmente no processo de desenvolvimento de produto. Não obstante, verificou-se, na maior parte dos casos, dificuldade dessas organizações em estruturar a inserção da dimensão ambiental nas atividades logísticas, desafio que pode ser superado com a adoção, por parte das empresas, dos modernos conceitos de green supply chain management. Os apontamentos finais ressaltam o distanciamento observado entre o que a literatura internacional apregoa e a realidade de empresas localizadas no Brasil no desafio de esverdear definitivamente as empresas manufatureiras.pt
dc.format.extent0-0
dc.language.isopor
dc.publisherAssociação Brasileira de Engenharia de Produção
dc.relation.ispartofProduction
dc.sourceSciELO
dc.subjectGestão ambientalpt
dc.subjectManufaturapt
dc.subjectDesenvolvimento de produtopt
dc.subjectSustentabilidadept
dc.subjectEnvironmental managementen
dc.subjectManufacturingen
dc.subjectProduct developmenten
dc.subjectSustainabilityen
dc.titleEsverdeando a manufatura: dos fundamentos conceituais ao estudo de múltiplos casospt
dc.title.alternativeGreen manufacturing: from a conceptual background to multiple case studiesen
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.description.affiliationUNESP
dc.description.affiliationUnespUNESP
dc.identifier.doi10.1590/S0103-65132014005000009
dc.identifier.scieloS0103-65132014005000009
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Engenharia, Baurupt
dc.identifier.fileS0103-65132014005000009.pdf
dc.relation.ispartofsjr0,200
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record