Show simple item record

dc.contributor.advisorCaraschi, José Cláudio [UNESP]
dc.contributor.authorBatista, José Antonio Nardin [UNESP]
dc.date.accessioned2018-08-30T18:22:25Z
dc.date.available2018-08-30T18:22:25Z
dc.date.issued2015-11-13
dc.identifier.citationBATISTA, José Antonio Nardin. Torrefação do Pinus elliottii para fins energéticos. 2015. . Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Engenharia Industrial Madeireira) - Universidade Estadual PaulistaJúlio de Mesquita Filho, Câmpus Experimental de Itapeva, 2015.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/155613
dc.description.abstractThe growing demand for energy caused the use of fossil fuels were exploited in a radical way, contributing to an environmental crisis. Biomass wood shown an alternative to fossil fuels, as it is a renewable source of energy and manufacturing industry and hulling of wood products generate large amounts of waste. The processing of this waste through the roasting and other processes generate a product with higher added value and extra income in addition to improving the thermal and energy characteristics which increases the efficiency of this biomass. In this study we discuss the effect of roasting at different temperatures and times in the energetic properties of Pinus Elliottii, and noticed that by the torrefeito material has higher calorific value and lower moisture content than wood in nature. The torrificado material to 275oC for 60 I had half the moisture content to 17% more energy per unit mass than wood in natura and earned massive 68%, showing the best treatment. Thus it is clear that roasting creates a more fuel efficient than the wood raw and earns more than the carbonization processen
dc.description.abstractA crescente demanda por energia fez com que a utilização de combustíveis fósseis fosse explorada de maneira radical, o que contribui para uma crise ambiental. A biomassa de madeira se mostra uma alternativa aos combustíveis fósseis, uma vez que é uma fonte de energia renovável e as indústrias produtoras e beneficiadoras de produtos madeireiros geram grande quantidade de resíduo. O beneficiamento desse resíduo por meio da torrefação e outros processos geram um produto com maior valor agregado e renda extra, além de melhorar as características térmicas e energéticas o que aumenta a eficiência dessa biomassa. Nesse estudo abordamos o efeito da torrefação em diversas temperaturas e tempos nas propriedades energéticas da madeira de Pinus Elliottii, e constamos que o material torrefeito tem maior poder calorífico e menor teor de umidade que a madeira in natura. O material torrificado a 275oC durante 60 mim apresentou metade do teor de umidade e 17% a mais de energia por unidade de massa que a madeira in natura e rendeu em massa 68%, se mostrando o melhor tratamento. Desse modo é possível afirmar que a torrefação gera um combustível mais eficiente que a madeira in natura e rende mais que o processo de carbonizaçãopt
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectResiduos de madeira como combustivelpt
dc.subjectBiomassa vegetalpt
dc.subjectCarbonizaçãopt
dc.subjectPirolisept
dc.subjectPinus elliottiipt
dc.subjectWood waste as fuelpt
dc.titleTorrefação do Pinus elliottii para fins energéticospt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Ciências e Engenharia, Itapevapt
dc.identifier.aleph000886409
dc.identifier.filehttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/capelo/2017-07-11/000886409.pdf
unesp.undergraduateEngenharia Industrial Madeireira - Itapevapt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record