Show simple item record

dc.contributor.advisorBueno, Leda Gobbo de Freitas [UNESP]
dc.contributor.advisorVale, Marcos Martinez do
dc.contributor.authorFagundes, Daiane Dantas
dc.date.accessioned2020-03-13T12:18:27Z
dc.date.available2020-03-13T12:18:27Z
dc.date.issued2019-12-17
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/191843
dc.description.abstractA avicultura é considerada uma das atividades mais dinâmicas e importantes no agronegócio brasileiro. No entanto, esse mercado passa por pressões que podem impactar negativamente em todo o avanço em sanidade e segurança alimentar obtidos nos últimos anos, estando entre eles a substituição do sistema convencional de produção em gaiolas e a proibição do uso de antibióticos como promotores de crescimento, que quando combinados com as variações climáticas podem causar danos ao plantel, cujos riscos e consequências não são totalmente conhecidos. Este estudo tem como objetivo avaliar o consumo de ração, bem como peso e produção de ovos de poedeiras alojadas em densidades diferentes e criadas em sistema Cage-free, recebendo dietas com adição de aditivos prebióticos alternativos aos antibióticos. Foram usadas 45 aves, que se encontravam no pico de produção com 28 a 37 semanas, alojadas em protótipos de escala reduzida sem climatização, onde foram divididas em: Grupo 1 (G1) com densidade de 3 aves/m² (17 aves) e dieta comercial sem adição de prebiótico e antibióticos, Grupo 2 (G2) com densidade de 2 aves/m² (11 aves) e dieta com adição de prebiótico e Grupo 3 (G3) com densidade de 3 aves/m² (17 aves) e também com dieta com adição de prebiótico. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado (DIC) com três tratamentos (em diferentes protótipos). Foram avaliadas as variaveis prudutivas de peso de ovos, consumo de ração e produção de ovos das aves. Resultados referentes ao consumo de ração e produção dos ovos se diferem (P>0,05) na analise entre G2 e G3, já na analise entre G1 e G3 as variaveis que se direfem são peso de ovos e produção de ovos (P>0,05). Podendo-se concluir, frente ao exposto que o sistema Cage-free sem uso de antibióticos em poedeiras apresentou qualidade de vida no que refere-se ao bem estar-animal.pt
dc.description.abstractPoultry farming is considered one of the most dynamic and important activities in Brazilian agribusiness. However, this market is experiencing pressures that can negatively impact all the advances in health and food safety achieved in recent years, including the replacement of the conventional cage production system and the ban on the use of antibiotics as growth promoters, that when combined with climatic variations they can cause damage to the squad, whose risks and consequences are not fully known. This study aims to assess feed intake, as well as weight and egg production hens housed in different densities and raised in a Cage-free system, receiving diets with the addition of prebiotic additives alternative to antibiotics. 45 poultry were used, which were at the peak of production at 28 to 37 weeks, housed in small scale prototypes without air conditioning, where they were divided into: Group 1 (G1) with density of 3 poultry / m² (17 poultry) and diet commercial without added prebiotics and antibiotics, Group 2 (G2) with a density of 2 poultry / m² (11 poultry) and diet with addition of prebiotic and Group 3 (G3) with a density of 3 poultry / m² (17 poultry) and also with diet with addition of prebiotic. A completely randomized design (DIC) with three treatments (in different prototypes) was used. Prudential variables of egg weight, feed consumption and egg production of poultry were evaluated. Results regarding feed consumption and egg production differ (P> 0.05) in the analysis between G2 and G3, in the analysis between G1 and G3 the variables that are addressed are egg weight and egg production (P> 0.05). It can be concluded, in the light of the above, that the Cage-free system without the use of antibiotics in laying hens showed quality of life with regard to animal welfare.en
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.subjectBem-estar animalpt
dc.subjectSistema de criação alternativopt
dc.subjectDensidade animalpt
dc.subjectDesempenho zootécnicopt
dc.subjectAnimal welfareen
dc.subjectAlternative rearing systemen
dc.subjectAnimal densityen
dc.subjectZootechnical performanceen
dc.titlePrebióticos como alternativas aos antibióticos para poedeiras criadas no sistema cage-freept
dc.title.alternativePrebiotics as alternatives to antibiotics for layers created in the cage-free systemen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramPrograma de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia Animal - FCATpt
unesp.knowledgeAreaProdução animalpt
unesp.researchAreaMelhoramento, nutrição e qualidade de produtos de origem animalpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas, Dracenapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000929628
dc.identifier.capes33004099086P8
unesp.examinationboard.typeBanca públicapt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record