Show simple item record

dc.contributor.advisorNery, Ana Clara Bortoleto [UNESP]
dc.contributor.authorInoue, Leila Maria [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:28:18Z
dc.date.available2014-06-11T19:28:18Z
dc.date.issued2010-07-30
dc.identifier.citationINOUE, Leila Maria. A Revista de Educação (1921-1923), o nacionalismo e a reforma de 1920: a formação de professores em São Paulo. 2010. 117 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília, 2010.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/96396
dc.description.abstractEsta Dissertação de Mestrado analisa as ideias nacionalistas que orientaram a formação de professores presentes na Revista de Educação (1921-1923) partindo da hipótese de que esse periódico foi criado com o intuito de divulgar a Reforma de Ensino, implantada por Sampaio Doria em 1920. Desse modo, busquei analisar como os ideais nacionalistas da Reforma de 1920 se materializavam na Revista. A finalidade deste estudo foi compreender e analisar as implicações das idéias nacionalistas na formação de professores e como os ideais nacionalistas emergiam na Revista de Educação. A análise parte do estudo da materialidade, da periodicidade e do conteúdo referente ao nacionalismo da Revista. O referencial teórico-metodológico apóia-se num conjunto de estudos que se baseiam na História Cultural, em especial, nas premissas de Roger Chartier (1990, p. 127) que considera que “não existe texto fora do suporte que o dá a ler e que não há compreensão de um escrito, qualquer que ele seja, que não dependa das formas através das quais ele chega a seu leitor”. O estudo da “arqueologia dos objetos em sua materialidade”. Segundo Carvalho (1998, p. 35), este procedimento implica tratar o impresso analisado como objeto cultural e discernir na sua materialidade, as marcas de sua produção, circulação e usos. Como resultados finais, considero que a Revista de Educação foi importante veículo na divulgação dos ideais nacionalistas e das medidas implantadas pela Reforma de 1920pt
dc.description.abstractThis paper intends analyze the nationalistic ideas that had guided the teachers formation gifts in the Revista de Educação (1921-1923). I have the hypothesis of that this periodic one was created with intention to divulge the Reforma de Ensino, implanted for Sampaio Doria in 1920. In this manner, I search to analyze as the nationalistic ideals of the Reforma de 1920 if they materialized in the periodic. The purpose of this study is to understand and to analyze the implications of the nationalistic ideas in the teachers formation and as the nationalistic ideals emerged in the Revista de Educação. The analysis has left of the study of the materiality, the cycle of life and the referring content to the nationalism of the periodic. The teoric-metodológic referential in a set of studies that if base on Cultural History, special, the premises of Roger Chartier (1990, p. 127) that it considers that “does not exist text is of the support that of reading and that does not have understanding of a writing, any that it is, that it does not depend on the forms through which it arrives its reader”. The study of the “archaeology of objects in its materiality”. According to Carvalho (1998, P. 35), this procedure implies to treat the analyzed printed matter as cultural object and to discern in its materiality, the marks of its production, circulation and uses. As final results, I consider that the Revista de Educação was important vehicle in the spreading of the nationalistic ideals and the measures implanted for the Reforma de 1920en
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extent117 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEducação e Estadopt
dc.subjectNacionalismo - Brasilpt
dc.subjectReforma do ensino - 1920pt
dc.subjectProfessores - Formação - São Paulo (Estado)pt
dc.subjectRevista de Educação (1921-1923)pt
dc.subjectNationalismen
dc.subjectTeachers formationen
dc.titleA Revista de Educação (1921-1923), o nacionalismo e a reforma de 1920: a formação de professores em São Paulopt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaPoliticas públicas e administração da educação brasileirapt
unesp.researchAreaFilosofia e história da educaçãopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.aleph000635924
dc.identifier.fileinoue_lm_me_mar.pdf
dc.identifier.capes33004110040P5
dc.identifier.lattes2576247757923028
unesp.advisor.lattes2576247757923028[1]
unesp.advisor.orcid0000-0001-6316-3243[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record