Financeirização do agronegócio e uso do território: as estratégias do fundo TIAA-CREF no Brasil através da Radar S/A

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2016-12-05

Autores

Albuquerque, Bruna Henrique [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Since the 2000s, the increased demand for agricultural commodities, especially because of the economic growth of some Asian countries, particularly China -, with a significant destination of arable land for the production of biofuels and the interest of financial investors on speculation and fast appreciation of assets - especially after the 2008 crisis - has caused a worldwide land rush. Thus, the ownership of land has become a strategic aspect, because it is considered a safe and highly profitable investment, in a context of instability. In this way, are evident the strategies and interests of international financial markets to acquire income through investments and partnerships with companies specializing in the acquisition, valuation and sale of agricultural land. Therefore, for understanding the relationship between the current global financial phenomenon, the agricultural use and the land market, this study aims to analyze the American pension fund TIAA-CREF strategies in Brazil through the company Radar Propriedades Agrícolas S.A, a joint venture formed in 2008 with the sugar and ethanol industry group Cosan S.A., whose main business is agricultural land speculation. Therefore, first this study presents the political and economic context of the constitution and expanding of the Radar Company, which comprises the relationship between agribusiness and the financial system that became prominent on the 1970s, and that as a consequence created several mechanisms of speculation in the today's capital markets, such as speculation in commodities and lands. Posteriorly, this research shows an analysis of the expansion of the Radar Company's business, such as its strategic location in the country and demonstrates its methods of valuation of agricultural land and the main impacts
Desde a década de 2000, o aumento da demanda por commodities agrícolas, especialmente devido ao crescimento econômico de alguns países asiáticos, juntamente com a destinação significativa de áreas agricultáveis para a produção de biocombustíveis e o interesse de investidores financeiros na especulação e na rápida valorização dos ativos - principalmente após a crise de 2008 - tem provocado uma corrida por terras em escala mundial. Dessa forma, em meio a um cenário de instabilidade, a propriedade da terra se converteu em aspecto estratégico por ser considerada um investimento seguro e de grande rentabilidade. Neste contexto, destacam-se os interesses e estratégias de fundos financeiros internacionais para obter rendimentos através de investimentos e parcerias com empresas especializadas na aquisição, valorização e venda de terras agrícolas. Deste modo, para a compreensão da relação entre o atual fenômeno financeiro mundial, o uso agrícola e o mercado de terras, esse estudo tem por objetivo analisar as estratégias de atuação do fundo de pensão americano TIAA-CREF no território brasileiro através da empresa Radar Propriedades Agrícolas S.A, joint venture formada em 2008 com o grupo do setor sucroalcooleiro Cosan S.A., que tem como principal negócio a especulação imobiliária agrícola. Para tanto, primeiramente abordou-se o contexto político e econômico da constituição e expansão da empresa Radar, que compreende a relação do agronegócio com o sistema financeiro que se tornou proeminente a partir dos anos 1970, e que como consequência criou diversos mecanismos de especulação nos mercados de capitais de hoje, como a especulação com commodities e com terras. Posteriormente, buscou-se fazer uma análise da expansão dos negócios da empresa e sua localização estratégica no território nacional, tal como demonstrar seus métodos de valorização das terras agrícolas e seus principais impactos

Descrição

Palavras-chave

Geografia agrícola, Agronegócio, Agricultura, Instituições financeiras internacionais, Especulação, Mercado imobiliario, Brasil

Como citar

ALBUQUERQUE, Bruna Henrique. Financeirização do agronegócio e uso do território: as estratégias do fundo TIAA-CREF no Brasil através da Radar S/A. 2016. 61 f. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2016.