Atributos do solo e componentes produtivos da soja: Uma abordagem linear, multivariada e geoestatística

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015-07-23

Autores

Lovera, Lenon Henrique [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The study of soil properties and plant using geostatistics, and the subsequent generation of kriging maps result in the rational use of fertilizers and thus to reduce costs for producers. In the agricultural year 2013/2014, in Selvíria (MS) aimed to evaluate the spatial dependency and multivariate analysis of physical, chemical attributes, foliar nutrient content and macrofauna of Oxisol in two depths, with yield components and grain yield grown in no-till system. A sampling grid was installed to collect soil data, plant and macrofauna, with 100 sampling points distributed random, in an area of 7980 m 2 . The greatest variability of the attributes analyzed by the coefficient of variation occurred at a depth of 0.00 to 0.10 m above the ground. Some of the attributes studied presented spatial dependence, it is possible to map the area under study. The values of geostatistical ranges recommended for the surveyed attributes should be between 9,9 and 91,8 m. Spatially speaking, the productivity of the soybeans could be estimated by means of co-kriging with the value DS2, DMG, DMP soil and foliar phosphorus. So, low and high values of these attributes indicate sites with higher or lower yields of grain and soybeans. Multivariate analysis has allowed only a few attributes to stand out as main components, being considered the most important for soil management in this area
O estudo dos atributos do solo e da planta utilizando a geoestatística, e a consequente geração de mapas de krigagem, resultam na utilização racional de fertilizantes e, assim na redução de custos para o produtor. No ano agrícola de 2013/2014, no município de Selvíria (MS), objetivou-se avaliar a dependência espacial e a análise multivariada dos atributos físicos, químicos, teores de nutrientes foliares e macrofauna de um Latossolo Vermelho distroférrico em duas profundidades, com os componentes da produção e produtividade de grãos cultivada em sistema plantio direto. Foi instalada uma malha amostral, para a coleta de dados do solo, planta e macrofauna, com 100 pontos amostrais distribuídos aletoriamente, em uma área de 7980 m 2 . As maiores variabilidades dos atributos analisadas pelo coeficiente de variação ocorreram na camada de 0,00-0,10 m do solo. Alguns dos atributos pesquisados apresentaram dependência espacial, sendo possível mapear a área em estudo. Os valores dos alcances geoestatísticos recomendados para os atributos pesquisados deverão estar compreendidos entre 9,9 e 91,8 m. Espacialmente falando, a produtividade de grãos da soja pôde ser estimada por meio da co-krigagem com o valor do DS2, DMG, DMP do solo e fósforo foliar. Assim, valores baixos e altos destes atributos indicaram sítios com as maiores ou menores produtividades de grãos e soja. A análise multivariada permitiu que apenas alguns atributos se destacassem como componentes principais, sendo considerados os mais importantes para o manejo do solo dessa área

Descrição

Palavras-chave

Agricultura de precisão, Solos - Manejo, Produtividade agrícola, Precision farming

Como citar

LOVERA, Lenon Henrique. Atributos do solo e componentes produtivos da soja: Uma abordagem linear, multivariada e geoestatística. 2015. 73 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Engenharia, 2015.