Gestão integrada de recursos hídricos e estudos da qualidade de águas

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2001

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Resumo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

A crescente preocupação com o desenvolvimento urbano, frente ao uso dos recursos naturais, especialmente os hídricos, levou à elaboração de projetos de estudos da exploração de recursos hídricos subterrâneos e superficiais no município de São José do Rio Preto - SP. A demanda de água para abastecimento público e demais atividades antrópicas, incrementada pelo crescimento demográfico registrado pelo município na última década, tem contribuído fortemente para a degradação das reservas hídricas subterrâneas. Aliada ainda ao descarte de efluentes e resíduos das atividades urbanas, esta questão ressalta a necessidade do conhecimento de seu significado, com vistas à minimização e controle de impactos e reservação de condições básicas que assegurem a preservação dos recursos hídricos para gerações futuras. Desta forma deu-se a implementação de projetos e atividades relacionadas e subsidiárias à gestão de recursos hídricos superficiais e subterrâneos no município. Para tanto tem-se realizado o cadastramento de diversos tipos de fontes potenciais de poluição de recursos hídricos, procedeu-se também à caracterização e estudos os diferentes tipos de fontes e seu significado enquanto elemento impactante e, avaliado analiticamente a qualidade das águas subterrâneas, superficiais e da rede local de abastecimento, segundo parâmetros de potabilidade estabelecidos pela legislação vigente. Estes trabalhos têm-se configurado como extensão de serviços à comunidade, uma vez que atende a demanda comunitária de análises de águas e correção de problemas relacionados à exploração de águas subterrâneas e ainda vem subsidiando a administração pública com elementos técnicos de gerenciamento da exploração, uso e conservação das reservas hídricas. No âmbito da Universidade, além de apresentá-la como franca colaboradora para a melhoria da qualidade de vida da população, a iniciativa tem gerado condições de franco engajamento de discentes em atividades de pesquisa e extensão, despertando-lhes não apenas a consciência técnico-acadêmica, enquanto profissionais, mas também a de cidadania, uma vez que incrementa a noção de co-responsabilidade e de participação social no desenvolvimento do sistema urbano e na ocupação dos recursos naturais. Cabe ressaltar ainda que a iniciativa tem propiciado o estabelecimento de grupos de trabalhos multi-institucionais, integrando outras Universidades, Institutos de Pesquisa e outros órgãos da Administração Pública (SABESP, CETESB, SUCEM, IAL, dentre outros).

Descrição

Palavras-chave

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados

Financiadores