Caracterização de painéis MDP com adição de nanopartículas de óxido de zinco

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2018-02-20

Orientador

Campos, Cristiane Inácio de
Favarim, Higor Rogério

Coorientador

Pós-graduação

Engenharia Mecânica - FEG

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Tendo em vista a grande potencialidade do mercado de painéis à base de madeira no Brasil, em constante crescimento nos últimos anos, busca-se cada vez mais encontrar novos métodos mais eficientes e melhorias nas diversas etapas de fabricação desses produtos engenheirados de madeira. Diante desta perspectiva, este trabalho teve como objetivo produzir e avaliar as principais propriedades físicas e mecânicas, conforme as especificações normativas da ABNT NBR 14810:2013 de chapas de madeira particulada de três camadas (MDP – Medium Density Particleboard), produzidas com Eucalipto em quatro diferentes granulometrias e com a adição de nanopartículas de óxido de zinco (ZnO), em duas diferentes proporções. A partir do proposto pretendeu-se aperfeiçoar as propriedades higroscópicas, bem como a condução térmica dos painéis, aprimorando suas propriedades como um todo. As propriedades mecânicas avaliadas foram o módulo de ruptura (MOR) e o modulo de elasticidade (MOE) na flexão estática, a adesão interna através de ensaio de tração perpendicular e a resistência ao arrancamento de parafuso. As propriedades físicas foram a densidade, umidade, inchamento e absorção (2 e 24 horas). Todos os resultados obtidos foram submetidos a análise estatística e, devidamente comparados com outros estudos encontrados na literatura, além de especificações normativas. Com base nos resultados obtidos nos testes físicos e mecânicos observou-se que a adição de nanopartículas proporcionou melhoras significativas nas propriedades dos painéis, especialmente com 0,5% de nanopartículas. Além disso, tanto testes físicos como mecânicos atenderam aos documentos normativos nacionais e internacionais. Destaca-se os painéis MDP fabricados com resina UF e 0,5% de nanopartículas de ZnO, por apresentarem bons resultados, melhora em algumas propriedades e ainda, o menor custo de produção.

Resumo (inglês)

Based on the great potential of the market for wood-based panels in Brazil, in constant growth in recent years, it is increasingly sought to find new and more efficient methods and improvements in the various stages of manufacture of these engineered wood products. With this, this work aimed to produce and evaluate the main physical and mechanical properties according to the normative specifications of NBR 14810: 2013, for medium density particleboards, with eucalyptus in four differents particle sizes and with the addition of zinc oxide (ZnO) nanoparticles, in differents proportions. From the proposed is intended to improve the hygroscopic properties, as well the thermal conduction of the panels, improving its properties as a whole. The mechanical properties evaluated are the modulus of rupture (MOR) and the module of elasticity (MOE) in bending, the internal adhesion of perpendicular traction test and screw holding test. The physical properties were density, humidity, swelling and absorption (2 and 24 hours). All the results were submitted to statistical analysis and, properly, compared with other studies found in the literature, besides normative specifications. Based on the results obtained in the physical and mechanical tests it was observed that the addition of nanoparticles resulted significant improvements in the properties of the panels, especially with 0.5% nanoparticles. In addition, both physical and mechanical tests covered in national and international normative documents. It is worth mentioning the MDP manufactured with UF resin and 0.5% of ZnO nanoparticles, in order of results, improvement in some properties and also lower production cost.

Descrição

Idioma

Português

Como citar