Obtenção e uso das plantas medicinais no distrito de Martim Francisco, Município de Mogi-Mirim, SP, Brasil

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2006-12-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Botânica do Brasil

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi realizar um inventário das plantas medicinais conhecidas e usadas pela população do distrito de Martim Francisco, Município de Mogi-Mirim, SP, bem como conhecer seus empregos e sua importância na comunidade. Foram amostradas aleatoriamente 50 unidades domiciliares. Apenas um dos adultos responsáveis pela casa (homem ou mulher) foi entrevistado, através de questionários. As plantas citadas foram coletadas e fotografadas paralelamente à aplicação dos questionários. O material botânico foi identificado e depositado no Herbarium Rioclarense (HRCB). Ao todo, foram catalogadas 107 espécies botânicas, predominantemente herbáceas e cultivadas, distribuídas em 40 famílias, sendo as famílias Lamiaceae e Asteraceae as mais representativas. Os índices de diversidade (H' = 4,07; e = 0,87) foram altos, se comparados aos obtidos em outros trabalhos no interior do Estado de São Paulo. Na preparação dos remédios, as folhas foram a parte da planta mais utilizada e a decocção a principal forma de preparo. A via oral foi a mais empregada para a administração dos medicamentos e as doenças mais freqüentemente tratadas por remédios caseiros referem-se aos Sistemas Digestivo e Respiratório. Não existe um rigor na posologia e na duração do tratamento, ficando este a critério do hábito de cada pessoa entrevistada. As plantas que apresentaram índice de importância relativa e concordância de uso acima de 60% foram: boldo (Plectranthus barbatus Andrews), capim-santo (Cymbopogon citratus (DC) Stapf), hortelã (Mentha sp. 2) e poejo (Cunila microcephala Benth.).
The aim of this work was to do an ethnobotanical survey of medicinal plants known and used by people in the Martim Francisco district, Mogi Mirim Municipality, São Paulo State, Brazil, as well as to investigate their application and importance for the community. A questionnaire was applied to a random sample of 50 households; in each, one adult (male or female) was interviewed. Plants cited were collected and photographed in conjunction with the interview; they were then identified and deposited at the Herbarium Rioclarense (HRCB). The 107 species were mainly cultivated herbs belonging to 40 botanical families; Lamiaceae and Asteraceae were the most representative. Diversity indexes (H'= 4.07; e = 0.87) were high when compared to surveys in other localities of São Paulo State. Leaves were the plant parts most utilized and decoction the most common way of preparation. Plant remedies were generally taken orally, and used to treat digestive and respiratory systems ailments. Dosage and treatment duration were rather loosely defined. Plants presenting relative importance and use agreement above 60% were as follows: boldo (Plectranthus barbatus Andrews), capim-santo (Cymbopogon citrates (DC) Stapf), mint (Mentha sp. 2) and poejo (Cunila microcephala Benth.).

Descrição

Palavras-chave

etnobotânica, plantas medicinais, medicina popular, ethnobotany, medicinal plants, folk medicine

Como citar

Acta Botanica Brasilica. Sociedade Botânica do Brasil, v. 20, n. 4, p. 789-802, 2006.