Lability of Cd, Cr, Cu, Mn and Pb complexed by aquatic humic substances

Resumo

A labilidade de Cd, Cr, Cu, Mn e Pb complexados por substâncias húmicas aquáticas (HSs) foi investigada por estudos de troca iônica em batelada, utilizando-se celulose modificada com grupos p-aminobenzóico (Cell-PAB). As SHs foram extraídas de amostras de água por adsorção sobre coluna empacotada com resina XAD 8. Os complexos metal-HS foram preparados misturando-se soluções contendo SHs com soluções padrões mista dos íons metálicos (Cd, Cr, Cu, Mn e Pb). Os resultados obtidos indicaram que houve um decréscimo nos valores dos coeficientes de distribuição (Kd) da Cell-PAB com a adição das SHs nas soluções dos íons metálicos, e que a labilidade das frações metálicas complexadas pelas SHs é menor em valores de pH < 4,0, tempo de complexação > 10 h e concentração de SHs > 500 mg L-1 . A troca iônica entre a Cell-PAB e os complexos metal-SHs obedecem as seguintes ordens de labilidade: Cd < Pb < Mn @ Cr < Cu.
The lability of Cd(II), Cr(III), Cu(II), Mn(II) and Pb(II) complexed by humic substances (HSs) was investigated by means of ion exchange on cellulose modified with p-aminobenzoic groups (Cell-PAB), using a batch procedure. The HSs were extracted from water samples using adsorption in a column packed with XAD 8 resin. The metal-HS complexes were prepared by adding solutions containing all the aforementioned metal ions ( Cd(II), Cr(III), Cu(II), Mn(II) and Pb(II) ). The results indicated that the distribution coefficients (Kd) of Cell-PAB decreased with the presence of HSs, and that the lability of metal fractions complexed by HSs decreases in pH values > 4.0, complexation time > 10 h and HS concentration > 500 mg L-1. The metal exchange between HSs and Cell-PAB exhibited the following order of metal ion lability: Cd < Pb < Mn @ Cr < Cu.

Descrição

Palavras-chave

substâncias húmicas aquáticas, celulose modificada com grupos p-aminibenzóico, labilidade de espécies metálicas, aquatic humic substances, cellulose modified with p-aminobenzoic groups, lability of metal species

Como citar

Eclética Química. Fundação Editora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP, v. 30, n. 2, p. 45-51, 2005.