Análise da elaboração e implantação do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos do município de Rio Claro - SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2016

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A geração de resíduos se tornou um dos maiores problemas ambientais da atualidade. No Brasil, o acelerado processo de urbanização e a explosão demográfica ocorrida durante o século XX, acompanhada ao crescimento do consumismo, causaram grande aumento no volume de resíduos gerados. Buscando solucionar os problemas dos resíduos no Brasil, foi aprovada em 2010, a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que traz como um de seus principais instrumentos os Planos Municipais de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). O presente trabalho teve como objetivo diagnosticar as práticas relacionadas aos resíduos domiciliares no município de Rio Claro, analisar o Plano de Resíduos Sólidos de Rio Claro quanto ao conteúdo mínimo exigido pela PNRS e avaliar a situação atual dos objetivos propostos pelo Plano de Resíduos Sólidos de Rio Claro. As análises foram feitas através da bibliografia disponível sobre os temas e por meio de visitas e coleta de dados nos locais de interesse. Foi observado que o Plano de Resíduos Sólidos de Rio Claro contemplou de forma satisfatória o conteúdo exigido por 6 dos 12 incisos analisados, portanto, é necessária sua adequação ao conteúdo mínimo exigido pela PNRS. Quantos aos objetivos propostos pelo Plano Municipal, dos 7 avaliados, somente 2 foram alcançados até o momento

Descrição

Palavras-chave

Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, Política Nacional de Resíduos Sólidos (Brasil), Resíduos, Resíduos sólidos, Urbanização, Sociedade de consumo, Planejamento urbano, Brasil, Rio Claro (SP)

Como citar

LIMA, Lucas Salgado de Campos. Análise da elaboração e implantação do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos do município de Rio Claro - SP. 2016. 54 f. Trabalho de conclusão de curso (Ecologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro), 2016.