Estudo retrospectivo das principais causas de hipostenúria em cães

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2024-02-27

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A densidade urinária é um dado relevante obtido pela urinálise, permitindo interpretar a capacidade renal de diluir ou concentrar a urina. O método mais utilizado na rotina laboratorial para mensuração é o da refratometria, sendo considerado também de baixo custo e fácil execução. Dentre as diferentes faixas de densidade urinária em cães, animais com hipostenúria (<1,008) evidenciam néfrons funcionais o bastante para remover solutos e água, portanto, esse distúrbio pode estar relacionado com a diminuição ou refratariedade do ADH, polidipsia psicogênica e diminuição da tonicidade medular. Existem poucas informações disponíveis em estudos sobre as principais causas de hipostenúria, sendo assim, o presente estudo avaliou 65 cães atendidos no hospital veterinário da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, UNESP (HV-FMVZ) de Botucatu no período de fevereiro de 2017 a setembro de 2023, visando identificar os seus possíveis diagnósticos diferenciais. Apesar da baixa frequência, a hipostenúria é um achado importante e está ligada a poucas enfermidades, sendo as principais hiperadrenocorticismo, insuficiência hepática e possivelmente a doença renal crônica. Essas enfermidades também foram associadas com uma maior intensidade de hipostenúria, salvo animais com doença renal crônica que se encontraram próximos à faixa de isostenúria (1,008 a 1,013).
Urinary density is a relevant data obtained by urinalysis, allowing the interpretation of the renal capacity to dilute or concentrate urine. The most commonly used method in laboratory routine for measurement is refractometry, which is also considered a low cost and easy to perform test. Among the different ranges of urinary density in dogs, animals with hyposthenuria (<1.008) show enough functional nephrons to remove solutes and water, therefore, this disorder may be related to the decrease or refractoriness of ADH, psychogenic polydipsia and medullary washout. There is few information available in studies on the main causes of hyposthenuria, therefore, the present study evaluated 65 dogs attended at the veterinary hospital of the Scholl of Veterinary Medicine and Animal Science, UNESP (HV-FMVZ) in Botucatu from February 2017 to September 2023 to, aiming to identify their possible differential diagnoses. Despite its low frequency, hyposthenuria is an important finding and is associate to a few conditions, the main ones being liver failure, hyperadrenocorticism and possibly chronic kidney disease. These illnesses were also correlated with a higher intensity of hyposthenuria, except for animals with chronic kidney disease that were close to the isosthenuria range (1.008 to 1.013).

Descrição

Palavras-chave

Cães, Hipostenúria, Urinálise

Como citar