Síntese de nanocompósitos à base de prata- ou cobre-óxido de grafeno reduzido: caracterização química, estrutural e atividade antibacteriana

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2022-01-21

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Bactérias patogênicas trouxeram ameaças significativas à saúde humana, portanto, desenvolver estratégias sensíveis e seletivas para controlar o crescimento de microrganismos é um desafio central. Neste estudo, a atividade antibacteriana de nanocompósitos (NCs) de prata-óxido de grafeno reduzido (rGO-Ag) e cobre-óxido de grafeno reduzido (rGO-Cu) com diferentes teores de metal sintetizados por um método solvotérmico assistido por micro-ondas foi avaliada contra a sensível e resistente bactéria Staphylococcus aureus. A composição e a morfologia dos nanomateriais foram caracterizadas por difração de raios-X (XRD), microscopia eletrônica de transmissão (TEM), espectroscopia de energia dispersiva de raios-X (EDS) e espectroscopia Raman. Os estudos antibacterianos foram conduzidos por um método de microdiluição, de acordo com o protocolo do Clinical and Laboratory Standards Institute. O principal efeito inibitório foi observado para o nanocompósito rGO-Ag de concentração igual a 0,1 mol l-1 Ag, com uma concentração inibitória mínima (MIC) de 0,97 μg ml-1. Estes resultados mostram uma potente aplicação antibacteriana para NCs de rGO-Ag bem projetados.
Pathogenic bacteria have brought significant threats to human health, so developing sensitive and selective strategies to control the growth of microorganism is a central challenge. In this study, the antibacterial activity of silver (Ag)- and copper (Cu)- reduced graphene oxide (rGO) nanocomposites (NCs) with different metal contents synthesized by a facile microwave-assisted solvothermal method was evaluated against sensitive and resistant Staphylococcus aureus. The nanomaterials composition and morphology were characterized by X-ray diffraction, transmission electron microscopy, energy-dispersive X-ray spectroscopy, and Raman spectroscopy. Antibacterial studies were conducted by a microdilution method according to the Clinical and Laboratory Standards Institute protocol. The main inhibitory effect was observed for rGO-Ag NCs with 0.1 mol l-1 Ag concentration against S. aureus, with a minimum inhibitory concentration (MIC) of 0.97 μg ml-1. These results show a potential antibacterial application for well-designed rGO-Ag NCs.

Descrição

Palavras-chave

Nanocompósitos (Materiais), Grafeno, Staphylococcus aureus, Nanocomposites (Materials), Graphene

Como citar