Strategy of specification of management areas: rice grain yield as related to soil fertility

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2013-02-01

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Ciência do Solo

Resumo

Atualmente, sabe-se que a variabilidade do solo pode influenciar a produtividade das culturas agrícolas. Assim, durante o ano agrícola 2009/10, no município de Selvíria, Estado do Mato Grosso do Sul, situado no Cerrado brasileiro (longitude 51º24' 21'' W e latitude 20º20' 56'' S), foram estudadas as correlações (Pearson e a espacial) da produtividade de grãos de arroz com o teor de matéria orgânica e pH de um Latossolo Vermelho distroférrico (Typic Acrustox), sob plantio direto, objetivando-se determinar zonas específicas de manejo do solo. A planta-teste empregada foi o cultivar de arroz de terras altas IAC 202. Instalou-sea malha geoestatística para a coleta de dados do solo e da planta, com 120 pontos amostrais, numa área de 3,0 ha e declive homogêneo de 0,055 m m-1. Os atributos pesquisados foram a produtividade de grãos de arroz e os teores de matéria orgânica, pH e acidez potencial e o teor de alumínio, nas camadas de 0-0,10 e 0,10-0,20 m do solo. Espacialmente, observaram-se duas zonas específicas de manejo agrícola do solo. A primeira, com os maiores valores da matéria orgânica e da produtividade de grãos de arroz; e, a segunda, com os menores. Efetuando-se adubações com taxas variáveis na segunda zona, poderá ser obtido substancial aumento dessa produtividade agrícola. O teor de matéria orgânica confirmou ser bom indicador da qualidade do solo, quando correlacionado espacialmente com a produtividade de grãos de arroz.
It is well-known nowadays that soil variability can influence crop yields. Therefore, to determine specific areas of soil management, we studied the Pearson and spatial correlations of rice grain yield with organic matter content and pH of an Oxisol (Typic Acrustox) under no- tillage, in the 2009/10 growing season, in Selvíria, State of Mato Grosso do Sul, in the Brazilian Cerrado (longitude 51º24' 21'' W, latitude 20º20' 56'' S). The upland rice cultivar IAC 202 was used as test plant. A geostatistical grid was installed for soil and plant data collection, with 120 sampling points in an area of 3.0 ha with a homogeneous slope of 0.055 m m-1. The properties rice grain yield and organic matter content, pH and potential acidity and aluminum content were analyzed in the 0-0.10 and 0.10-0.20 m soil layers. Spatially, two specific areas of agricultural land management were discriminated, differing in the value of organic matter and rice grain yield, respectively with fertilization at variable rates in the second zone, a substantial increase in agricultural productivity can be obtained. The organic matter content was confirmed as a good indicator of soil quality, when spatially correlated with rice grain yield.

Descrição

Palavras-chave

agricultura de precisão, geoestatística, variabilidade espacial, Oryza sativa, precision agriculture, soil fertility, geostatistics, spatial variability, Oryza sativa

Como citar

Revista Brasileira de Ciência do Solo. Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, v. 37, n. 1, p. 45-54, 2013.