Influência da tetraciclina no desenvolvimento hepático e renal de filhotes de ratas

dc.contributor.advisorRocha, Rosilene Fernandes da [UNESP]
dc.contributor.authorMachado, Ana Lourdes da Silva [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2015-01-26T13:21:25Z
dc.date.available2015-01-26T13:21:25Z
dc.date.issued2000-06-16
dc.description.abstractThis study aims to evaluate the possible effects of tetracycline administered to pregnant rats on kidney and liver development of their offspring. Fifteen rats were used - three controls and twelve treated ones. The control group received saline injections while the experimental groups were administered tetracycline chlorhidrate in the doses of 25, 50, 75 and 100mglkg, intraperitoneally, in a single injection, on the tenth day of pregnancy. The sucking were sacrificed at birth and after ten, twenty and thirty days of life. The liver specimes showed vacuolizations, necrosis, inflammation and sinusoidal dilatations, more evident in the newborn. Mitosis, early increase of Kupffer cells population and hypertrophy of hepatocytes with greater synthesis of glycogen were present in the 10th and twentieth days of life. The kidney specimens showed slight tubular vacuolizations and necrosis, more prominent in the newbom, as well as signs of tubular regeneration at the tenth and twentieth days. These results suggest that the organs studied went through several transitory morphological changes during development but presented signs of regeneration along the first days of lifeen
dc.description.abstractO objetivo deste estudo foi avaliar a influência da tetraciclina administrada a ratas prenhas no desenvolvimento hepático e renal de filhotes. Foram utilizadas quinze ratas sendo três controles e 12 tratadas. As ratas controle receberam injeções de solução fisiológica, enquanto as dos grupos experimentais foram tratadas com cloridrato de tetraciclina nas doses de 25, 50, 75 e 100mg/kg, via intraperitoneal, em dose única, no décimo dia da gestação. Os filhotes foram sacrificados ao nascer, com dez, vinte e trinta dias de vida. A análise histológica do fígado mostrou vacuolização, necrose, inflamação e dilatação sinusoidal principalmente em recém-nascidos. Mitoses, aumento precoce da população de células de Kupffer, hipertrofia de hepatócitos com maior síntese de glicogênio foram mais acentuadas nos filhotes com dez e vinte dias. No rim verificamos vacuolização tubular e necrose discretas, que ficaram mais evidentes nos recém-nascidos, e sinais de regeneração tubular aos dez e vinte dias. Os resultados sugerem que os órgãos estudados sofreram alterações morfológicas transitórias durante o desenvolvimento, mas revelaram indícios de regeneração ao longo do tempopt
dc.format.extent80 f. : il.
dc.identifier.aleph000127963
dc.identifier.capes33004145081P0
dc.identifier.citationMACHADO, Ana Lourdes da Silva. Influência da tetraciclina no desenvolvimento hepático e renal de filhotes de ratas. 2000. 80 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, 2000.
dc.identifier.file000127963.pdf
dc.identifier.lattes0190365234516027
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/113969
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceAleph
dc.subjectTetraciclinapt
dc.subjectGravidezpt
dc.subjectFigado - Doenças - Diagnosticopt
dc.subjectNefrotoxicologiapt
dc.subjectTetracyclinept
dc.titleInfluência da tetraciclina no desenvolvimento hepático e renal de filhotes de rataspt
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.author.lattes0190365234516027
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Ciência e Tecnologia, São José dos Campospt
unesp.graduateProgramOdontologia - ICTpt
unesp.knowledgeAreaBiopatologia bucalpt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
000127963.pdf
Tamanho:
2.84 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format