Construção e validação de material educativo para pacientes submetidos à quimioterapia intravesical

Imagem de Miniatura

Data

2024-02-09

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Introdução. O Instituto Nacional do Câncer apontou estimativa de 11.370 casos novos de câncer de bexiga por ano, para o triênio 2023-2025. O diagnóstico, se dá pelo histórico do paciente, sinais e sintomas, sendo o tabagismo o fator de risco mais importante. Existem dois tipos de tratamento com terapia intravesical para câncer de bexiga não-músculo invasivo, como a imunoterapia, com o Bacillus Calmette-Guerin (onco-BCG) ou a quimioterapia intravesical, pela administração de medicamentos quimioterápicos diretamente na bexiga. Objetivo. Construir e validar um folder para pacientes submetidos à administração de quimioterapia intravesical para o tratamento do câncer de bexiga não-músculo invasivo. Método. Foi realizado um estudo metodológico, elaborado no Ambulatório de Oncologia de um Hospital Público do interior do Estado de São Paulo, dividido em cinco etapas: identificação das necessidades e seleção da literatura; construção do material educativo; validação do material por especialistas; validação do material pelo público direcionado e análise dos dados da validação. Participaram nove profissionais especialistas na área de oncologia e com experiência (juízes de conteúdo), e nove pacientes adultos em tratamento com terapia intravesical (juízes de conteúdo e aparência). Foi utilizado o Índice de Validade de Conteúdo (IVC), que compreende um método muito utilizado na área da saúde para medir a proporção de especialistas em concordância com determinado assunto. Resultados. O folder foi validado na primeira rodada do público especialista com um IVC global de 0,94 e pelos pacientes com IVC de 1. Considerações finais. O material foi construído para facilitar o entendimento do público direcionado no que se refere ao procedimento realizado e orientações para serem seguidas após o procedimento.
Introduction. The National Cancer Institute estimated 11,370 new cases of bladder cancer per year for the 2023-2025 triennium. The diagnosis is based on the patient's history, signs and symptoms, and smoking is the most important risk factor.There are two types of intravesical therapy treatment for non-muscle-invasive bladder cancer, such as immunotherapy, with Bacillus Calmette-Guerin (onco-BCG) or intravesical chemotherapy, by administering chemotherapy drugs directly into the bladder. Objective: Goal. Construct and validate a folder for patients undergoing intravesical chemotherapy for the treatment of non-muscle-invasive bladder cancer. Method. A methodological study was carried out at the Oncology Outpatient Clinic of a public hospital in the interior of the State of São Paulo, divided into five stages: identification of needs and selection of literature; construction of educational material, validation of material by specialists; validation of the material by the targeted audience and analysis of the validation data. Nine professionals specialized in the field of oncology and with experience (content judges) and nine adult patients undergoing treatment with intravesical therapy (content and appearance judges) participated. The Content Validity Index (CVI) was used, which is a method widely used in the health area to measure the proportion of specialists in agreement with a given subject. Results. The folder was validated in the first round of the specialist public with an overall CVI of 0.95 and by patients with CVI of 1. Conclusion. The material was constructed to facilitate the understanding of the target audience regarding the procedure performed and guidelines to be followed after the procedure.

Descrição

Palavras-chave

Enfermagem oncológica, Cuidados de enfermagem, Neoplasias da bexiga, Neoplasias não-músculo invasivas da bexiga, Oncology nursing, Nursing care, Urinary bladder neoplasms, Non-muscle invasive bladder neoplasms

Como citar

VISENTINI, Beatriz Pontes. Construção e validação de material educativo para pacientes submetidos à quimioterapia intravesical. Orientador(a): Karina Alexandra Batista da Silva Freitas. Coorientador(a): Maria Helena Borgato. 2024. Trabalho de Conclusão de Residência (Residência em Saúde do Adulto e do Idoso) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Botucatu, 2024.