Show simple item record

dc.contributor.advisorOliveira, Cirlene Aparecida Hilário da Silva [UNESP]
dc.contributor.authorSouza, Tatiana Machiavelli Carmo [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:35:15Z
dc.date.available2014-06-11T19:35:15Z
dc.date.issued2012-08-17
dc.identifier.citationSOUZA, Tatiana Machiavelli Carmo. Docência universitária: representações sociais das constituições subjetivas. 2012. 117 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, 2012.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/106120
dc.description.abstractA crescente expansão do Ensino Superior conduz à discussão acerca da docência universitária. Buscou-se investigar a docência na universidade pública e explicar os processos de subjetivação. O percurso metodológico deu-se a partir da realização de pesquisa eletrônica com docentes de uma universidade federal brasileira com o objetivo de traçar panorama do perfil técnico dos docentes. Essa etapa constituiu-se como critério para escolha da amostra. Foram selecionados quatro sujeitos: dois professores com graduação em Psicologia e dois professores com graduação em Serviço Social, todos titulados doutores em áreas interdisciplinares à formação inicial. A obtenção de dados deu-se a partir de entrevistas individuais, semi-dirigidas e áudio-gravadas com os sujeitos. No processo de articulação dos dados utilizou-se a teoria das representações sociais e a análise de discurso. O estudo bibliográfico apontou que o docente é ser de relações, sua atividade está intimamente vinculada à dimensão subjetiva da existência humana bem, mas também a atuação docente é desenvolvida a partir do processo de formação profissional onde os saberes teórico-metodológicos são estruturados. Dessa forma, o exercício da docência está vinculado à identidade profissional, ao processo de formação e à dinâmica do mundo do trabalho. A pesquisa mostrou que as representações dos docentes foram repletas de valores educativos e políticos que se aproximam da perspectiva crítica em educação. Os docentes apontaram para a importância de conhecimentos e saberes que transcendam as questões teóricometodológicas. Dentre esses aspectos, destaca-se a dimensão relacional, isto é, o desenvolvimento de habilidades que primam pelo encontro com o outro. Percebeu-se a ausência ou escassez de processos formais que permitam a instrumentalização para o exercício da docência...pt
dc.description.abstractLa creciente expansión de la Educación Superior conduce a una discusión sobre la enseñanza universitaria. En este trabajo investigamos la enseñanza en la universidad pública y explicar los procesos de subjetivación. Realizamos pesquisa electrónica con profesores de una universidad pública brasileña con el objetivo de rastrear un panorama del perfil técnico de los profesores. Esa etapa fue considerada criterio para la elección de la muestra. Elegimos cuarto sujetos: dos profesores con graduación en Psicología y dos profesores con graduación en Servicio Social y todos con titulación de doctores en áreas interdisciplinares a la formación inicial. Los datos fueron logrados por medio de entrevistas individuales semi-conducidas e registradas con los sujetos. En el proceso de articulación de los datos fue utilizada la teoría de las representaciones sociales e el análisis de discurso. El estudio bibliográfico mostró que el profesor ha de ser las relaciones, su actividad está estrechamente vinculada a la dimensión subjetiva de la existencia humana, así, sino también la práctica docente se desarrolla a partir del proceso de formación profesional donde se estructura el conocimiento teórico y metodológico. La práctica de la enseñanza está relacionada a la identidad profesional, al proceso de formación e a la dinámica del mundo del trabajo. Las representaciones de los profesores son llenas de valores educativos y políticos que están acerca de la perspectiva crítica en educación. Los profesores exponen la importancia de los conocimientos e saberes que transcienden las cuestiones teórico-metodológicas. Entre los aspectos, hay que subrayar la dimensión relacional, o sea, el desarrollo de capacidades que enaltecen el encuentro con el otro. Observamos la ausencia o escasez de procesos formales que aprueben... (Resumen completo clicar acceso eletronico abajo)es
dc.description.abstractThe increasing expansion of Superior Education leads to the discussion about university teaching. We tried to investigate teaching in public university and tried to explain the process of subjectivity. We carried out electronic research with teachers of a Brazilian public university aimed to draw a panorama of a technical outline of the professors. This stage was considered as criteria to choose the sample. We selected four subjects: two professors graduated in Psychology and, two professors graduated in Social Work, all of them with doctor’s degree in interdisciplinary areas of their initial studies. We obtained the data from semi-direct and recorded individual interview with the subjects. In the process of data joint we used the social representation theory and data analysis. The bibliographical study showed that the teacher is to be relations, their activity is closely linked to the subjective dimension of human existence as well, but also the teaching practice is developed from the professional training process where the theoretical and methodological knowledge is structured. Thus, the practice of teaching is linked to professional identity, the process of formation and dynamics of the workplace. Professors’ representations are full of educational and political values that came up to critical perspective of education. It is evident that social representations about identity dimension deal with the importance of theoretical knowledge. The role of professor, however, is not only linked to structural and theoretical aspects, especially valued in academic context. The professor is a human being of relations and his activity is closely related to subjective dimension of human existence. The capacity of welcome, the capacity of being with the other, the resilience of challenges, the wish of learning, the availability of deal with... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.format.extent117 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectServiço socialpt
dc.subjectEnsino superior e Estado - Brasilpt
dc.subjectProfessores universitários - Estudo e ensinopt
dc.subjectProfessores - Formaçãopt
dc.subjectUniversidades e faculdades publicas - Brasilpt
dc.subjectPolitica e educaçãopt
dc.subjectEducadorespt
dc.subjectIdentidade profissionalpt
dc.subjectSocial servicept
dc.titleDocência universitária: representações sociais das constituições subjetivaspt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramServiço Social - FCHSpt
unesp.knowledgeAreaServiço social, trabalho e sociedadept
unesp.researchAreaServiço Social: formação e prática profissionalpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Francapt
dc.identifier.aleph000725287
dc.identifier.filesouza_tmc_dr_fran.pdf
dc.identifier.capes33004072067P2
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record