Show simple item record

dc.contributor.advisorCosta, Vladimir Eliodoro [UNESP]
dc.contributor.authorStavarengo, Régis Ayres [UNESP]
dc.date.accessioned2015-03-23T15:29:20Z
dc.date.available2015-03-23T15:29:20Z
dc.date.issued2011
dc.identifier.citationSTAVARENGO, Régis Ayres. Controle de qualidade e levantamento radiométrico em aparelho de Raios-X médico convencional. 2011. 1 CD-ROM. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Física Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências de Botucatu, 2011.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/121481
dc.description.abstractAlong with the advance of technology, in terms of the expansion of medical exams that uses the ionizing radiation for diagnosis, there is also the concern about quality control for maintaining quality in radiographic imaging and for delivering low dose to the patient. Based on the Federal Order 453 of the Secretariat of Health Surveillance, which takes account of the practical and justification of individual medical exposures, the optimization of radiological protection, limitation of individual dose, and the prevention of accidents, were done through this paper radiodiagnostic tests on medical equipment in order to accept it or not, according to SVS-453. Along with the help and support of P&R Consulting and Medical Physics Marilia, SP, were made Quality Control and Radiometric Control in equipment from various cities across the state of São Paulo. The equipment discussed in this work is classified as conventional X-ray. According to the Federal Order SVS-453, the quality control in the program of quality assurance should include the following minimum set of constancy tests, with following minimum frequency: biennial tests for representative values of dose given to the patients of radiography and CT performed in the service; annual tests for accuracy of the indicator tube voltage (kVp), accuracy of exposure time, half-value layer, aligning the central axis of the beam of x-ray tube, performance (mGy / mA.min.m²), linearity of the rate of kerma on air with the mAs, reproducibility of the kerma on air rates, reproducibility of the automatic exposure, focal spot size, integrity of accessories and clothing for individual protection; semiannually for collimation system accuracy; weekly for temperature processing system and sensitometry processing system. For the room Radiometric Survey it was done a sketch...(Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.abstractCom o avanço da tecnologia, no sentido da expansão do uso de exames médicos usufruindo da radiação ionizante para diagnóstico, surge também a preocupação no controle de qualidade, mantendo qualidade na imagem radiográfica, e baixa dose no paciente. Tendo como base a Portaria Federal 453 da Secretaria de Vigilância Sanitária, a qual leva em consideração, a Justificação da prática e das exposições médicas individuais, a otimização da proteção radiológica, a limitação de doses individuais, e a prevenção de acidentes, foi feito ao longo deste trabalho, testes em equipamento de radiodiagnóstico médico, a fim de aceita-lo ou não, de acordo com portaria SVS-453. Com o auxilio e apoio da P&R Assessoria e Física Médica de Marília, SP, foram feitos Controles de Qualidades e Levantamentos Radiométricos em equipamentos de várias cidades pelo estado de São Paulo. O equipamento de radiodiagnostico abordado neste trabalho foi de exames em Raios-X Convencional. Pela Portaria Federal SVS – 453, o controle de qualidade previsto no programa de garantia de qualidade, deve incluir o seguinte conjunto mínimo de testes de constância, com a seguinte freqüência mínima: valores representativos de dose dada aos pacientes em radiografia e CT realizadas no serviço, sendo teste bianual; exatidão do indicador de tensão do tubo (kVp), exatidão do tempo de exposição, quando aplicável, camada semi-redutora, alinhamento do eixo central do feixe de raios-x, rendimento do tubo (mGy / mA min m2), linearidade da taxa de kerma no ar com o mAs, reprodutibilidade da taxa de kerma no ar, reprodutibilidade do sistema automático de exposição, tamanho do ponto focal, integridade dos acessórios e vestimentas de proteção individual, sendo testes anuais; exatidão do sistema de colimação, sendo teste semestral;...(Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo)pt
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectDiagnóstico por imagempt
dc.subjectRaios X - Controle de qualidadept
dc.subjectRadiografia - Qualidade de imagempt
dc.subjectAgência Nacional de Vigilância Sanitária (Brasil)pt
dc.subjectBrasil. Secretaria de Vigilância em Saúdept
dc.titleControle de qualidade e levantamento radiométrico em aparelho de Raios-X médico convencionalpt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Biociências, Botucatupt
dc.identifier.aleph000711160
dc.identifier.filestavarengo_ra_tcc_botib.pdf
unesp.undergraduateFísica Médica - IBBpt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record