No dia 25 de Setembro de 2023, faremos a migração do Repositório Institucional para a versão 7.6 do sistema DSpace. Por este motivo, o Repositório Institucional ficará indisponível neste dia. Contamos com a compreensão de todos.

Show simple item record

dc.contributor.advisorOsti, Andreia [UNESP]
dc.contributor.authorSantos, Flávio Renato dos [UNESP]
dc.date.accessioned2016-04-01T17:53:51Z
dc.date.available2016-04-01T17:53:51Z
dc.date.issued2015
dc.identifier.citationSANTOS, Flávio Renato dos. Alfabetização e letramento: a cultura escrita de alunos que iniciam o ensino fundamental II. 2015. 112 p. Trabalho de conclusão de curso (licenciatura - Pedagogia) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 2015.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/136616
dc.description.abstractAs the Elementary School expanded quantitatively at the end of last century, a new social debate started on the quality of the education offered in public schools. Among many concerns and questions, there was the quality of literacy of the young people that finished the Basic Stage of Education. Federal documents drawn up over the last years, such as the National Pact for Literacy at the Right Age, defend that the obligatory literacy takes place until the end of the third grade of Elementary School. Based on this, it is intended that, at the end of the 5th school year of this education step, the students master the social practices of reading and writing that let them pursue their literacy process in the following school years. In this sense, the present study intended to observe and think over how the alphabetization (reading and writing technology acquisition) and literacy (using of written language in different social practices) processes happened at the end of the Elementary School I. In order to exploit to the full the meanings and conceptions involved in the presented theme, it was decided, methodologically, to elaborate a qualitative research, in where the adopted procedure was data survey and bibliographic research of authors that conceptualize, explain, relate and distinguish alphabetization from literacy. Next, it was performed a documental research based on laws and other Federal documents, from the State of São Paulo and from the municipality of Rio Claro-SP, observing the established discussion with the studied academic productions, as well as attributions given to the public school to perform the process of alphabetization and literacy. The visitation of these papers was also considered necessary for the understanding of expected knowledge, capabilities and skills of the student that finishes Elementary School I. In the last stage of the research, with the purpose of thinking about the level/kind of alphabetization...en
dc.description.abstractCom a expansão quantitativa do Ensino Fundamental no Brasil no final do século passado, inicia-se um novo debate social em torno da qualidade do ensino oferecido nas escolas públicas. Dentre as inúmeras preocupações e questionamentos, encontra-se a qualidade da alfabetização e do letramento dos jovens que concluem a Etapa Básica de Ensino. Tomando por base documentos federais elaborados nos últimos anos, como, por exemplo, o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, que defendem que a alfabetização ocorra, obrigatoriamente, até o final do 3º ano do Ensino Fundamental, entende-se que, ao final do 5º ano escolar desta etapa de ensino, os alunos dominem práticas sociais de leitura e de escrita que lhes capacitem/permitam prosseguir e aprofundar o processo de letramento nos anos escolares subsequentes. Neste sentido, o presente trabalho pretendeu observar e refletir sobre como os processos de alfabetização (aquisição das tecnologias de leitura e escrita) e de letramento (utilização da linguagem escrita em diferentes práticas sociais) ocorreram ao final do Ensino Fundamental I. A fim de explorar ao máximo todos os significados e concepções que envolvem o tema aqui abordado, decidiu-se, metodologicamente, pela construção de uma pesquisa qualitativa, sendo que o primeiro procedimento adotado foi o levantamento e o estudo bibliográfico de autores que conceituam, explicam, relacionam e diferenciam a alfabetização do letramento. Em seguida, realizou-se um estudo documental a partir de leis e de outros documentos Federais, do Estado de São Paulo e do Município de Rio Claro-SP, observando o diálogo estabelecido com as produções acadêmicas estudadas, bem como as atribuições dadas à escola pública na realização dos processos de alfabetização e de letramento. A visitação desses textos mostrou-se necessária também à compreensão dos conhecimentos, capacidades e habilidades esperados dos alunos...pt
dc.format.extent112 p.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectAlfabetizaçãopt
dc.subjectLetramentopt
dc.subjectLeiturapt
dc.subjectEscritapt
dc.titleAlfabetização e letramento: a cultura escrita de alunos que iniciam o ensino fundamental IIpt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Biociências, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000860447
dc.identifier.filehttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/capelo/2016-03-15/000860447.pdf
dc.identifier.lattes5060520291120371
unesp.undergraduatePedagogia - IBRCpt
unesp.advisor.lattes5060520291120371[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-7605-2347[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record