Show simple item record

dc.contributor.advisorPapa, Frederico Ozanam [UNESP]
dc.contributor.authorAndrade Junior, Luiz Roberto Pena de
dc.date.accessioned2017-12-04T16:15:56Z
dc.date.available2017-12-04T16:15:56Z
dc.date.issued2017-09-22
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/152221
dc.description.abstractMétodos de processamento espermático são rotineiramente utilizados para otimização do sêmen de garanhões. As biotecnologias aplicadas a reprodução permitem que animais geneticamente superiores disseminem suas características. Apesar disso, mesmo em garanhões clinicamente sadios, o sêmen criopreservado possui taxas de fertilidade inferiores quando comparado ao sêmen fresco, em decorrência do estresse químico e físico gerados pela preservação através do frio. Tal, condição pode ser intensificada em animais que apresentam alterações no trato reprodutivo que comprometam a qualidade seminal, como por exemplo, a presença de sangue no ejaculado, denominado hemospermia. Esta afecção geralmente é observada em decorrência de lesões na uretra, processo uretral, pênis e vesícula seminal. O efeito dos componentes sanguíneos sobre a qualidade do sêmen ainda não está bem estabelecido. A manipulação do sêmen por meio da centrifugação com gradientes de densidade além de proporcionar a seleção das células espermáticas, possivelmente permite a separação das hemácias do ejaculado em casos de hemospermia. Em virtude da escassez de informações sobre a viabilidade do sêmen na presença do sangue, visto que os ejaculados com quadro de hemospermia são descartados e a possibilidade de separar as hemácias do ejaculado apresentam dificuldades no aproveitamento do sêmen, mais estudos são necessários acerca do assunto para minimizar as dúvidas da utilização ou não do ejaculado.pt
dc.description.abstractSperm processing methods are routinely used for stall optimization of stallions. Biotechnology applied to reproduction allows genetically superior in animals to be better harvested, to disseminate their characteristics through generations. Despite this, even in clinically healthy stallions, cryopreserved semen has lower fertility rates when compared to fresh semen, due to the stress generated by cryopreservation. Such a condition can be intensified in animals that present pathologies in the reproductive tract that compromise seminal quality, such as the presence of blood in the ejaculate, called hemospermia. This condition is usually seen as a result of injuries to the urethra, urethral process or penis. It is unknown what amount of blood in an ejaculate leads to subfertility. The manipulation of semen by centrifugation with density gradients in addition to providing the selection of the spermatic cells possibly allows the separation of the red blood cells from the ejaculate in cases of hemospermia. Due to the scarcity of information on the viability of semen in the presence of blood and the possibility of separating red blood cells from ejaculate more studies are needed on the subject. Keywords: equine,en
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectequinopt
dc.subjecthemospermiapt
dc.subjectcoloidept
dc.subjectfertilidadept
dc.titleManipulação do sêmen de garanhões com diferentes graus de hemospermiapt
dc.title.alternativeManipulation of stallions semen with different degrees of hemospermiaen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramBiotecnologia Animal - FMVZpt
unesp.knowledgeAreaReprodução animalpt
unesp.researchAreaBiotécnicas da reproduçãopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Botucatupt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000894794
dc.identifier.capes33004064086P1
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record