Show simple item record

dc.contributor.advisorFrizzo, Ana Cláudia Figueiredo [UNESP]
dc.contributor.authorOliveira, Anna Caroline Silva de [UNESP]
dc.date.accessioned2018-06-13T14:47:56Z
dc.date.available2018-06-13T14:47:56Z
dc.date.issued2018-06-04
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/154232
dc.description.abstractIntrodução: O aumento da expectativa de vida da população requer um manejo diferente das necessidades dos idosos. No envelhecimento ocorre a degeneração dos aspectos fisiológicos, funcionais e comportamentais, bem como mudanças estruturais nas vias auditivas centrais e déficits em habilidades binaurais, muitas vezes responsáveis por dificuldades de comunicação. O Potencial Evocado Auditivo de Média Latência mostra-se um instrumento útil para avaliação auditiva central em idosos e permite uma análise da função auditiva binaural ao nível cortical. Objetivo: Investigar os potenciais evocados auditivos de média latência, analisar e comparar as respostas obtidas com a estimulação unilateral e bilateral e a interação binaural em idosos. Metodologia: Estudo descritivo e analítico de corte transversal. Em um primeiro momento a avaliação audiológica básica foi realizada para determinação dos limiares audiométricos e dividir os sujeitos em 2 grupos. Grupo 1 (G1) composto por 20 indivíduos de ambos os sexos, a partir de 60 anos, saudáveis, sem perda auditiva e o grupo 2 (G2) composto por 20 indivíduos de ambos os sexos, a partir de 60 anos, saudáveis, com limiares entre 30 e 70 dBNA nas frequências de 4 a 8kHz. O registro do potencial foi realizado utilizando o equipamento Biologic's Evoked Potential System (EP) de dois canais, com estimulação unilateral (orelha direita, depois orelha esquerda) e bilateral (estimulação simultânea nas duas orelhas) e posteriormente foi calculado o Componente de Interação Binaural. Realizou-se análise descritiva (média e desvio padrão) e inferencial dos dados, sendo o teste de normalidade Shapiro – Wilk, seguido pela Ancova de Medidas Repetidas Mista para analisar o efeito do grupo, da condição e da interação (grupo vs condição) controlando o efeito da covariável idade. Resultados: Quando comparadas a estimulação unilateral e bilateral a latência de Na em C3A1 foi maior na estimulação da orelha direita no G2 com efeito significativo da covariável idade. Na interamplitude Na-Pa foi observado efeito principal de grupo sob a estimulação da orelha direita e registro em C3A1. Comparados os canais de registros (C3A1 e C4A2) o componente Na no G1 obtido com a estimulação da orelha esquerda e registrado em C4A2 apresentou latência maior, com efeito da covariável idade, no mesmo grupo a latência do componente Pa foi maior na estimulação da orelha direita e registro em C4A2. Já o componente Pb no G2 obtido pela estimulação bilateral e registrado em C4A2 apresentou maior latência com efeito significante para o fator idade. O Componente de Interação binaural apresentou amplitude maior do componente Pb em C4A2 em ambos os grupos e amplitude de Na menor em idosos com perda de audição. O potencial evocado auditivo de média latência mostrou ser um exame sensível à avaliação do sistema auditivo central dos idosos. Conclusão: A transmissão da informação auditiva ao córtex auditivo primário é prejudicada no envelhecimento principalmente na estimulação unilateral, danos potenciados em idosos com perda auditiva periférica, assim como na interação binaural ao nível cortical e subcortical.pt
dc.description.abstractIntroduction: The increase in life expectancy of the population requires a different management of the needs of the elderly. In aging, degeneration of the physiological, functional and behavioral aspects occurs, as well as structural changes in the central pathways and deficits in binaural abilities, often responsible for communication difficulties. The Auditory Middle Latency Response is shown to be a useful auditory tool for central assessment in the elderly and allows an analysis of binaural hearing function at the cortical level. Objective: To investigate the auditory middle latency response, to analyze and to compare the unilateral and bilateral stimulation and binaural interaction in the elderly. Methodology: Descriptive and analytical cross-sectional study. In the first moment, the audiological assessment was performed to determine the hearing thresholds and to divide the subjects into 2 groups. Group 1 (G1): 20 individuals of both genders, from 60 years, healthy, without hearing loss and group 2 (G2) consisted of 20 individuals of both genders, from 60 years of age, healthy, with thresholds between 30 and 70 dBHL in frequencies of 4 to 8 kHz. Potential recording was performed using two-channel Bio-logic Evoked Potential System (EP) equipment, with unilateral stimulation (right ear, then left ear) and bilateral stimulation (simultaneous stimulation in both ears) and then calculated the Binaural Interaction Component. Descriptive analysis (average and standard deviation) and inferential data were performed, with the Shapiro-Wilk test for normality, followed by the Repeated-Measures and mixed-design ANCOVA to analyze the effect of the group, condition and interaction (group vs. condition) controlling the effect of covariate age. Results: When compared to unilateral and bilateral stimulation, the latency of Na in C3A1 was higher in the stimulation of the right ear in G2 with a significant effect of covariate age. In the Na-Pa amplitude was observed main group effect under stimulation of the right ear and recording in C3A1. Compared the channels of registers (C3A1 and C4A2) the Na component in the G1 obtained with the left ear stimulation and recorded in C4A2 presented higher latency, with covariate age effect. In the same group, the latency of the Pa component was higher in stimulation of the right ear and recorded at C4A2. The Pb component in the G2 obtained by bilateral stimulation and recorded at C4A2 presented higher latency with a significant effect for the age. The auditory middle latency response was a sensitive examination of the evaluation of the central auditory system of the elderly. Conclusion: The transmission of auditory information to the primary auditory cortex is impaired with aging, mainly in unilateral stimulation, reinforced by damages in the elderly with peripheral hearing loss, as in the binaural interaction at cortical and subcortical levels.en
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectPotenciais evocados auditivospt
dc.subjectEstimulação acústicapt
dc.subjectIdosopt
dc.subjectAuditory evoked potentialsen
dc.subjectAcoustic stimulationen
dc.subjectElderlyen
dc.titlePotencial evocado auditivo de média latência (PEAML) monaural e binaural em idosospt
dc.title.alternativeAuditory middle latency responses (AMLR) monoaural and binaural in the elderlyen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.description.sponsorshipIdFAPESP: 2016/05452-5
unesp.graduateProgramFonoaudiologia - FFCpt
unesp.knowledgeAreaDistúrbios da comunicação humanapt
unesp.researchAreaPrevenção, avaliação e terapia em fonoaudiologiapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000905050
dc.identifier.capes33004110045P7
unesp.advisor.lattes2939620990280199[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-7934-4353[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record