Show simple item record

dc.contributor.advisorCampos, Sérgio
dc.contributor.advisorCury, Roberta Thays dos Santos
dc.contributor.authorCury, Letícia Duron
dc.date.accessioned2019-04-17T11:31:59Z
dc.date.available2019-04-17T11:31:59Z
dc.date.issued2018-12-19
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/181565
dc.description.abstractA conversão de florestas naturais em pastagens, lavouras ou reflorestamentos homogêneos com espécies exóticas, pode influenciar processos ecológicos importantes alterando a dinâmica florestal. O trabalho teve como objetivo avaliar se reflorestamentos homogêneos de Pinus elliottii influenciam a remoção de sementes em uma vegetação secundária de Floresta Ombrófila Mista Montana adjacente. Assim, formulamos três hipóteses: (1) a remoção de sementes será maior na vegetação secundária de Floresta Ombrófila Mista Montana adjacente ao plantio de Pinus elliottii, em especial, onde as plantações se encontram em estágio inicial de desenvolvimento; (2) a remoção de sementes na vegetação secundária de Floresta Ombrófila Mista Montana será maior quanto mais distante da borda com plantio de Pinus elliottii; e (3) a remoção de sementes será diferente entre as espécies de Syagrus romanzoffiana, Araucaria angustifolia e Pinus elliottii. Foram selecionadas seis áreas de plantios de Pinus elliottii adjacentes a vegetação secundária de Floresta Ombrófila Mista Montana. Em cada área foram instalados cinco pontos amostrais, distribuídos ao longo de um transecto a uma distância de 0, 10, 25, 50 e 100 metros da borda florestal. Em cada ponto foram depositadas 13 sementes de cada espécie analisada. O monitoramento das sementes foi realizado após dois, sete, nove, 14 e 21 dias. No geral a taxa de remoção foi elevada para todas as espécies (100% para espécie Syagrus romanzoffiana, 98% para Pinus elliottii e 49% para Araucaria angustifolia). Houve elevada remoção de sementes em todas as distâncias analisadas, no entanto, as sementes de Araucaria angustifolia apresentaram taxas crescentes de remoção da borda, com 33% de remoção a 0 m e 70% a 100 m. A elevada remoção de sementes indica a presença de fauna associada as espécies analisadas, no entanto pode estar associada tanto com a predação como com a dispersão secundária das sementes. Sugerimos que a reduzida remoção de sementes de Araucaria angustifolia, espécie-chave para Mata Atlântica, na borda florestal com a plantação de Pinus elliottii, pode indicar perdas no trânsito da fauna silvestre associada ao plantio homogêneo. Ainda, a remoção das sementes de Pinus elliottii na floresta, se predada, pode indicar uma redução do potencial invasivo de Pinus elliottii sobre as áreas naturais.pt
dc.description.abstractConversion of natural forests to pasture, crop or homogeneous reforestation with exotic species can influence important ecological processes by changing the forest dynamics. The objective of this work was to evaluate the effects of Pinus elliottii plantation on seed predation in a Mixed Ombrophilous Montane secondary forest. Thus, we formulate three hypotheses: (1) seed removal will be greater in the Mixed Ombrophilous Montane secondary forest adjacent to Pinus elliottii plantation, especially where the plantations are in early stages; (2) seed removal will be greater in the Mixed Ombrophilous Montane secondary forest farther from the forest edge; and, (3) seed removal will be different among Syagrus romanzoffiana, Araucaria angustifolia and Pinus elliottii species. Six Pinus elliottii areas adjacent to Mixed Ombrophylous Montane secondary forest were selected. In each area, five plots were distributed along 0, 10, 25, 50 and 100 meters from the forest edge. Were deposited 13 seeds by species in each plot. Seeds were monitored during two, seven, nine, 14 and 21 days. In general the removal rate was high for all species (100% for Syagrus romanzoffiana, 98% for Pinus elliottii and 49% for Araucaria angustifolia). Similarly, all distances from the forest edge showed high seed removal, however, Araucaria angustifolia showed reduced seed removal at the edge, with 33% of removal at 0 m against 70% at 100 m. These rates indicate the presence of forest-associated fauna, which may cause predation and/or secondary dispersal. The reduced seed removal of Araucaria angustifolia, a key species for Atlantic Forest, on the forest edge, may indicate losses in the wildlife associated with the forest edge adjacent to the homogeneous planting. In addition, the removal of Pinus elliottii seeds in the forest, if predated, may indicate a reduction of their invasive potential in natural areas.pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectDispersão de sementes. Dispersão secundária. Paisagem. Mata Atlântica. Predação de sementes. Reflorestamento homogêneo.pt
dc.subjectSeed dispersion. Secondary dispersion. Landscape. Atlantic forest. Seed predation. Homogeneous reforestation.pt
dc.titleEfeito do plantio de Pinus elliottii sobre a remoção de sementes em fragmentos de Floresta Ombrófila Mista Montanapt
dc.title.alternativeEffect of planting of Pinus on the removal of seeds in fragments Ombrófila Mista Montanapt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia (Energia na Agricultura) - FCApt
unesp.knowledgeAreaEngenharia florestalpt
unesp.researchAreaPlanejamento do Uso do Solo, Estudo do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentávelpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000915235
dc.identifier.capes33004064021P7
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record