Show simple item record

dc.contributor.advisorArena, Dagoberto Buim [UNESP]
dc.contributor.authorGhaziri, Samir Mustapha [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:24:57Z
dc.date.available2014-06-11T19:24:57Z
dc.date.issued2008-02-12
dc.identifier.citationGHAZIRI, Samir Mustapha. Da leitura no impresso à leitura na tela: novas veredas para a formação do leitor na escola. 2008. 165 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de filosofia e Ciências, 2008.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/91236
dc.description.abstractEste trabalho estuda as novas práticas e modos de leitura emergentes no contexto do ciberespaço, procurando refletir sobre as implicações dessas novas práticas para a formação do leitor na escola. Desse modo, o objetivo mais amplo da pesquisa foi o de mapear a leitura na tela do computador - conectado à Internet – entre seis sujeitos do ensino fundamental de uma escola pública do município de Assis – SP. Os sujeitos foram observados em situação de leitura no impresso e na tela, para que , entre outros pudessem ser observados comportamentos transferidos de um suporte para o outro, tanto do impresso para a tela, como da tela para o impresso. A metodologia que guiou a execução do trabalho foi o estudo etnográfico e grupo focal uma vez que era de nosso interesse a elaboração de conhecimento calcado na observação in loco de comportamento humano. Foram analisados os modos de operar o pensamento emergentes da prática de leitura no ambiente virtual, bem como sua possível relação com outras mídias Os dados coletados foram categorizados com base na análise de conteúdo e refletidos à luz de bibliografia especializada, em que se destacam como autores centrais: Chartier (1999; 2001; 2002; 2005), Eisenstein (1998), Nielsen (1997; 2006), Bakhtin (2000; 2004) e Mcluhan (1969; 1972). Foi possível verificar que a leitura na tela é rápida, como um escaneio do texto, em que o leitor parece mobilizar estratégias de antecipação e previsão de seu trajeto de navegação. Além disso, a atribuição de sentido na leitura se dá por meio de um processo de união de fragmentos de informação; a experiência hipertextual faz do leitor co-autor dos textos que lê. Por fim, é preciso dizer que alguns leitores se encaminhavam para a leitura na tela com as estratégias do impresso, o que em alguns casos comprometia o encontro das informações buscadas.pt
dc.description.abstractThis work is characterized as a study concerning the new practical and the emergent ways of reading in the context of cyberspace, looking for to reflect on the new implications of these practical for the formation of the reader in the school. In this way, the objective amplest of the research was to characterize the reading in the screen of the computer - connected to the Internet - enter six students of the basic education of a public school of the city of Assis - SP. The students had been observed in situation of reading in the printed matter and the screen, searching, among others facts, to observe behaviors led of a support to the other (in such a way of the printed matter for the screen as of the screen for the printed matter). The methodology that guided the execution of the work was the study ethnographic of case, a time that was of our interest the elaboration of knowledge based in the comment in leases of human behavior. The collected data had been categorized on the basis of the reflected analysis of content and to the specialized bibliography light, where if they detach as authors central offices: Chartier (1999, 2001, 2002 e 2005), Eisenstein (1998), Nielsen (1997 e 2006), Bakhtin (2000 e 2004) and Mcluhan (1969 e 1972). As results, it was verified, from the actions of the showed students, that the reading in the screen is fast, an scanning of the text, where the reader must mobilize strategies of anticipation and forecast, the text and its passage of navigation. Moreover, the felt attribution of in the reading if gives by means of a process of union of fragments of information. The hipertextual experience makes of the reading co-author of the texts who reads. Finally, the ways had been analyzed emergent to operate the thought of the practical one of reading in the virtual environment, as well as its possible relation with other Medias.en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.format.extent165 f. : il. color.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEducaçãopt
dc.subjectLeiturapt
dc.subjectCiberespaçopt
dc.subjectReading in the printeden
dc.subjectReading in the screenen
dc.titleDa leitura no impresso à leitura na tela: novas veredas para a formação do leitor na escolapt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaEnsino na educação brasileirapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.aleph000548362
dc.identifier.fileghaziri_sm_me_mar.pdf
dc.identifier.capes33004110040P5
dc.identifier.lattes9019185751164438
unesp.author.lattes9019185751164438
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record