Show simple item record

dc.contributor.advisorManzini, Eduardo José [UNESP]
dc.contributor.advisorDeliberato, Débora [UNESP]
dc.contributor.authorDelagracia, Joyce Degaspari [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:24:57Z
dc.date.available2014-06-11T19:24:57Z
dc.date.issued2007-02-12
dc.identifier.citationDELAGRACIA, Joyce Degaspari. Desenvolvimento de um protocolo para avaliação de habilidades comunicativas para alunos não-falantes em situação familiar. 2007. 98 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências, 2007.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/91255
dc.description.abstractA avaliação é um processo que demanda tempo, uma vez que visa não só avaliar os déficits do sujeito, mas também suas necessidades e habilidades. No caso de alunos não-falantes, os familiares têm grande importância no processo de avaliação, pois os pais são os maiores conhecedores das formas de expressão de seus filhos, sendo imprescindíveis para obtenção de informações a respeito dos centros de interesse, habilidades comunicativas e vocabulário do aluno. Após um trabalho anterior realizado pelos pesquisadores com a finalidade de construir um Protocolo para Avaliação de Habilidades Comunicativas para Alunos Não-Falantes Em Situação Familiar, o objetivo dessa pesquisa foi desenvolver esse mesmo protocolo. Para tanto, o desenvolvimento do protocolo foi realizado por estudos. No Estudo 1, reformulamos a primeira versão do Protocolo para Avaliação de Habilidades Comunicativas para Alunos Não-Falantes em Situação Familiar e criamos uma outra versão desse mesmo protocolo, intitulada protocolo reformulado, que contava com as seções: Identificação, Principal, Rotina, Preferências, Profissionais e Auxiliares, sendo que a seção Principal continha 59 itens. Ainda no Estudo 1, fizemos a aplicação do protocolo reformulado e analisamos os resultados dessa aplicação. A aplicação ocorreu na cidade de Curitiba-Pr e contou com a participação de 17 pais de alunos com deficiência. Os resultados do Estudo 1 deram origem à segunda versão do protocolo, que continha as mesmas seções das versões anteriores, sendo que a seção Principal continha 64 itens. No Estudo 2, realizamos a aplicação da segunda versão e fizemos a análise dos resultados dessa aplicação, que também aconteceu em Curitiba-Pr e contou com a participação de 17 pais e uma avó de alunos com deficiência. No Estudo 3, realizamos a aplicação e a reaplicação da segunda versão do protocolo...pt
dc.description.abstractThe evaluation is a time-demanding process, since not only is it aimed at evaluating the subject deficits but also its needs and skills. In case of non-speaking students, family members have great importance on the evaluation process, for parents know better their children s forms of expression and are irreplaceable for the purpose of acquiring information concerning student s center of interest, communication skills, and vocabulary. Following a previous work by the authors trying to set the frame of an Evaluation Protocol of Communication Skills for Non-Speaking Students in Family Situation, the present research intends to establish the Protocol s final version. For doing so, the Protocol s development was carried at trough studies. In Study 1, we have reformulated the first version of the Evaluation Protocol of Communication Skills for Non-Speaking Students in Family Situation, and created another version of the protocol, named Reformulated Protocol, which was formed by sections: Identification, Principal, Routine, Preferences, Professionals, and Auxiliaries, noticing that the Principal section contained 59 items. Still in Study 1, we have applied the reformulated protocol and analyzed its results. It took place in the city of Curitiba, Pr, and 17 parents of challenged students participated. Results of Study 1 originated the second version of the protocol, which was formed by the same sections of previous versions, noticing that the Principal section contained 64 items. In Study 2, we applied the second version and proceeded with the analysis of the results, which also happened to take place in the city of Curitiba, Pr, and 17 parents and one grandparent of challenged students participated. In Study 3, we applied and reapplied the second version of the protocol on the same subject, a challenged student s mother, with the purpose of verifying whether or not the second version... (Complete abstract, click electronic address below)en
dc.format.extent98 f. : il. color. + anexo
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEducação especialpt
dc.subjectComunicação alternativapt
dc.subjectSpecial educationen
dc.subjectAugmentative and alternative communicationen
dc.subjectEvaluationen
dc.subjectFamilyen
dc.titleDesenvolvimento de um protocolo para avaliação de habilidades comunicativas para alunos não-falantes em situação familiarpt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaEnsino na educação brasileirapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.aleph000490507
dc.identifier.filedelagracia_jd_me_mar.pdf
dc.identifier.capes33004110040P5
dc.identifier.lattes9155295594995876
dc.identifier.lattes5154063375333536
unesp.author.lattes9155295594995876
unesp.author.lattes5154063375333536
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record