Esclarecemos que a realização do autoarquivamento, validação de submissões e o acesso ao Repositório continuam normalmente

Show simple item record

dc.contributor.advisorSouza, Renata Junqueira de [UNESP]
dc.contributor.authorPerin, Denise Alexandre [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:25:39Z
dc.date.available2014-06-11T19:25:39Z
dc.date.issued2009-01-15
dc.identifier.citationPERIN, Denise Alexandre. Mediadores e espaços de leitura: a prática em escolas municipais de presidente prudente. 2009. 243 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Tecnologia, 2009.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/92273
dc.description.abstractA pesquisa: Mediadores e espaços de leitura: a prática em escolas municipais de Presidente Prudente vincula-se à linha de pesquisa Práticas educativas e formação de professores. Acredita-se que ler literatura é ação essencial, impulsionada pela descoberta do novo, do sentido, da fantasia, do enigmático, do prazer e da fruição. Na escola, a leitura de textos de literatura infanto-juvenil vem sendo trabalhada pelo professor muitas vezes de forma didatizada, tendo anulado o seu potencial estético, criativo e libertador. Essa prática, quando mecanizada, não é suficiente para incentivar a formação do leitor, pois desconhece as possibilidades e a importância dos espaços que colaboram para esse fim. Esta pesquisa teve como objetivo principal analisar como os espaços que mediam a leitura na escola são utilizados. Identificamos dois espaços de mediação nas escolas municipais de Presidente Prudente – a Biblioteca Escolar e o Canto da Leitura. O primeiro, utilizado por todas as escolas, as vezes aberto à comunidade; o segundo, mediado pelo professor, por estar dentro da sala de aula. Consideramos como mediadores de leitura, os professores e os “bibliotecários”. Dezoito (18) escolas municipais foram visitadas e o corpus da pesquisa foi composto por sete (7) instituições escolares que trabalham com as séries iniciais. A partir de um questionário, pudemos conhecer as concepções de leitura de 63 professores, que embora coerentes com uma proposta que visa à formação de leitores, após as análises revelaram-se contraditórias e vazias em relação às ações docentes que subsidiam a prática pedagógica para o ensino da leitura, facetas de um discurso inconsistente. Da mesma forma, pudemos conhecer o perfil dos sete (7) “bibliotecários” das escolas pesquisadas. Entrevistas semi-estruturadas com esses profissionais permitiu entender sua formação...pt
dc.description.abstractThe research: Mediators and spaces of reading :the practice in municipal schools of Presidente Prudente links to the research area Educational practice and teachers formation. It believes reading is essential action, driven by the discovery of the new, of the direction, of the enigmatic, of the pleasure and the enjoyment. In the school, text readings are being developed by the teacher for several times of a schooling way, having annulled its esthetic potential, creative and liberating. This practice, when mechanized, it is not enough to encourage the reader formation, because he/she does not recognize the possibilities and the importance of spaces that collaborate to this purpose. This research had as main aim to analyze how the spaces that mediate reading in the school are used. It was identified two spaces of mediation in the municipal schools of Presidente Prudente-The School Library and The Reading Space. The first, used by all the schools, sometimes opened to the community; the second, mediated by the teacher, that is why he/she is inside the classroom. It was considered as reading mediators, the teachers and the “librarians”. Eighteen (18) municipal schools were visited and the corpus of the research was composed for seven (7) schools establishments that work with the first grades. Based in a questionnaire, we could know the reading conceptions of 63 teachers, that although coherent with a purpose that aims readers formation, after the analysis revealed contradictory and meaningless in relation to teaching action that subsidize pedagogical practice for reading teaching , facets of a inconsistent speech... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent243 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEducaçãopt
dc.subjectLeiturapt
dc.subjectBibliotecaspt
dc.subjectFormação do leitorpt
dc.subjectReadingen
dc.subjectLibraryen
dc.subjectReading Spaceen
dc.subjectMediationen
dc.subjectReader Formationen
dc.titleMediadores e espaços de leitura: a prática em escolas municipais de presidente prudentept
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FCTpt
unesp.knowledgeAreaFormação inicial e continuada de professorespt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências e Tecnologia, Presidente Prudentept
dc.identifier.aleph000578821
dc.identifier.fileperin_da_me_prud.pdf
dc.identifier.capes33004129044P6
dc.identifier.lattes9778200016779533
unesp.author.lattes9778200016779533
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record