Análise da efetividade de polimerização, adaptação marginal e interna de restaurações Classe II de resinas compostas de inserção em bloco utilizando diferentes matrizes

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2016-02-11
Autores
Gutierrez, Natália Cortez [UNESP]
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Universidade Estadual Paulista (Unesp)
Resumo
O objetivo deste estudo foi analisar a efetividade de polimerização, a adaptação marginal e interna de resinas compostas para dentes posteriores, empregando diferentes matrizes associadas ao envelhecimento artificial. Cento e vinte incisivos bovinos foram cortados e desgastados para simular dentes posteriores, nos quais foram realizados preparados de Classe II, com o ângulo cavosuperficial gengival em dentina. As cavidades tinham 6 mm de altura (ocluso-cervical), 3 de largura (vestibulo-lingual) e 1,5 de profundidade (mesio-distal). Os espécimes foram divididos em seis grupos de acordo com o material restaurador utilizado: GrandioSO (Voco)– convencional incremental, G-aenial universal flo (GC)– fluída incremental, X-tra fil (Voco)– convencional com inserção em bloco, X-tra base (Voco)– fluída com inserção em bloco, Venus Bulk Fill (Kulzer)– fluída com inserção em bloco e SureFil SDR (Dentsply)– fluída com inserção em bloco. As resinas fluídas com inserção em bloco foram inseridas em incremento de 4 mm e receberam uma cobertura oclusal de 2 mm utilizando a resina GrandioSO, com exceção da X-tra fil que foi coberta com uma camada adicional do mesmo material. Nos demais grupos foi utilizada uma técnica incremental de 2 mm. Metade dos espécimes foi restaurada com matriz metálica e a outra metade com matriz de poliéster. O percentual de polimerização foi mensurado através da dureza Knoop e da relação dureza base/topo. A média da largura das fendas marginais presentes nas margens de cada restauração foi calculada após medição, em micrometros, no microscópio óptico (100x). Os espécimes foram submetidos à ciclagem mecânica (500,000 ciclos) e térmica (1,000 ciclos) e a fenda marginal foi avaliada novamente. Para fenda interna, os espécimes foram seccionados em uma cortadeira de precisão e o comprimento, em milímetros, da parede gengival que apresentava fenda foi mensurado no microscópio óptico. Foi calculada então a porcentagem de fenda em relação ao comprimento total da parede (1,5 mm). Os dados foram submetidos à ANOVA dois e três fatores. Com relação ao percentual de polimerização, houve diferença para o fator resina (p=0,001). As resinas G-aenial universal flo (82,08%) e GrandioSO (84,62%) apresentaram os maiores percentuais de cura. Para fenda marginal foi encontrada diferença significativa para todos os fatores (p<0,05). As resinas Venus Bulk e SDR apresentaram as menores médias de fenda marginal (19,16 e 19,62 µm, respectivamente) e GrandioSO a maior (26,88 µm). As restaurações com matriz de poliéster resultaram em fendas menos largas (21,08 µm) que com matriz metálica (23,27 µm). Todos os grupos apresentaram fendas marginais mais largas após a ciclagem. Com relação à fenda interna, houve diferença apenas para o fator resina (p=0,001). Somente a resina GrandioSO apresentou fenda em mais da metade da parede gengival (53,96%). As resinas de incremento em bloco apresentaram menores valores de fenda marginal e interna do que a resina convencional. Porém, não apresentaram eficiência de cura superior à 80% (dureza da base em relação ao topo).
The aim of this study was to analyze the effectiveness of cure, marginal and internal adaptation of composite resins for posterior teeth using different matrices bands associated with artificial aging. One hundred and twenty bovine incisors were cut and flattened in order to simulate posterior teeth, and then were prepared for class II cavities with gingival cavosurface margin in dentin. Cavities had 6 mm height (occluso-cervical), 3 mm width (bucco-lingual) and 1.5 mm deep (mesio-distal). Specimens were divided into six groups according to the restorative material: GrandioSO (Voco)- conventional, G-aenial universal flo (GC)- flowable, X-tra fil (Voco)- conventional bulk, X-tra base (Voco)- flowable bulk, Venus Bulk Fill (Kulzer)- flowable bulk, and SureFil SDR (Dentsply)- flowable bulk. Bulk-fill composites were placed in single increment of 4mm and received a 2mm occlusal coverage of GrandioSO, with the exception of X-tra fil which was covered with a layer of the same material. The remmaing groups were restored in 2 mm incremental technique. Half of the specimens were restored with metallic and the other half with polyester matrix. Effectiveness of cure was measured by Knoop hardness and the bottom/top hardness ratio was evaluated. The average width of marginal gaps present in the restoration was calculated after optical microscope measuring (100x), in microns. The specimens were subjected to mechanical (500.000 cycles) and thermal cycling (1.000 cycles) and marginal gap was evaluated again. For internal adaptation, the specimens were sectioned and the gap length, in millimeters, present on the gingival wall was measured in an optical microscope. The percentage of gap length in relation to the total length of the wall was also calculated. Data were analyzed with three and two-way ANOVA and Tukey´s test. Regarding effectiveness of cure, significant differences were observed for resin factor. Composites G-aenial universal flo (82.08%) and GrandioSO (84.62%) had the highest cure rates. For marginal gap, significant differences were observed for all factors (p<0.05). Venus Bulk (19.16 µm) and SDR (19.62 µm) had the narrower and GrandioSO (26.88 µm) the wider gap. For matrix factor, groups restored with polyester (21.08 µm) had narrower gaps than metallic (23.27 µm). All groups showed wider gaps after aging. For internal adaptation, the only difference found was for resin factor (p=0.001). Conventional composite GrandioSO presented gap in more than half of the gingival wall (53.96%). Bulk-fill composites showed lower values of marginal and internal gap than conventional composite. However, none of the bulk-fill composites showed efficiency of cure of 80% or more.
Descrição
Palavras-chave
Fenda marginal, Resina composta, Polimerização, Bandas de matriz, Envelhecimento artificial, Marginal gap, Composite resin, Polymerization, Matrix bands, Artificial aging
Como citar