Parâmetros biológicos de Bemisia Tabaci (genn.) biótipo B (hemiptera: aleyrodidae) em genótipos de algodoeiro

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-01-01

Autores

Campos, Zeneide Ribeiro [UNESP]
Boiça Júnior, Arlindo Leal [UNESP]
Lourenção, André Luiz
Campos, Alcebiades Ribeiro [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Instituto Agronômico de Campinas

Resumo

A mosca-branca Bemisia tabaci biótipo B é uma praga de grande importância econômica para muitas culturas em todo o mundo. No Brasil, especialmente no Estado da Bahia, essa praga causou perdas que variam entre 30% e 70% em cultura de algodão. Essa pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de avaliar parâmetros biológicos de B. tabaci biótipo B em genótipos de algodoeiro para verificar a possível ocorrência de antibiose como mecanismo de resistência sob condições de casa de vegetação. Os genótipos estudados foram IAC-23, Coodetec 406, BRS Aroeira, Fabrika, Coodetec 407, IAC-24, Makina, IAC 20-233, Coodetec 401 e CNPA Acala I. Foram avaliados os períodos de incubação e ninfal, o desenvolvimento total e a longevidade. Dos genótipos avaliados observou-se em Coodetec 406 maior período ninfal (14,7 dias) e IAC-23 a menor viabilidade de ninfas (30,7%), indicando a ocorrência de resistência do tipo antibiose contra essa mosca-branca.
The silverleaf whitefly Bemisia tabaci B biotype is an important pest of many crops throughout the world. In Brazil, specifically in the Bahia State, this insect caused losses estimated to 30-70% on cotton crops. The purpose of this research was to investigate biological parameters of the silverleaf whitefly biotype B in genotype of cotton bush to verify a possible occurrence of antibiosis as resistance mechanism cotton, under greenhouse conditions. The duration of the egg and nymphal stages, and the adult longevity of B. tabaci biotype B were evaluated in the genotypes IAC-23, Coodetec 406, BRS Aroeira, Fabrika, Coodetec 407, IAC-24, Makina, IAC 20-233, Coodetec 401 and CNPA Acala I. Among those evaluated genotypes, Coodetec 406 increased the nymph stage (14.7 days) and IAC-23 reduced the nymphal viability (30.7%), suggesting the occurrence of antibiosis against this whitefly.

Descrição

Palavras-chave

silverleaf whitefly, Gossypium hirsutum L., Host plant resistance, Antibiosis, Mosca branca, Gossypium hirsutum L., Resistência de plantas a insetos, Antibiose

Como citar

Bragantia. Instituto Agronômico de Campinas, v. 68, n. 4, p. 1003-1007, 2009.