Os efeitos do sexting no contexto esportivo universitário: uma tentativa de traçar o perfil dos envolvidos

dc.contributor.advisorFischer, Carlos Norberto [UNESP]
dc.contributor.authorMorão, Kauan Galvão [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2017-03-15T19:23:23Z
dc.date.available2017-03-15T19:23:23Z
dc.date.issued2017-02-15
dc.description.abstractDevido à potencialização da utilização das novas mídias sociais e digitais nem sempre os usuários imaginam as proporções que as postagens na rede podem tomar. Sendo assim, novos perigos emergiram, como o sexting, que é um fenômeno resultante do envio/compartilhamento de textos, fotos e vídeos com conteúdos provocativos, íntimos e/ou pornográficos. Desta forma, como jovens atletas estão submersos no mundo das tecnologias, muitas vezes são autores e/ou vítimas de crimes virtuais, expondo a privacidade e conteúdos próprios ou de outras pessoas. Somado a isso, ressaltamos que o ambiente universitário engloba indivíduos que pertencem a faixa etária que está enquadrada como uma das maiores vítimas de sexting. Sendo assim, essa pesquisa possui o objetivo de verificar a ocorrência de sexting entre atletas universitários, buscando traçar o perfil dos envolvidos com esse fenômeno (particularmente, autores e vítimas), além de levantar questões gerais a respeito do sexting no contexto esportivo universitário. A pesquisa possui caráter quantitativo, de natureza descritiva, utilizando como instrumento um questionário online (com questões fechadas), contando com o auxílio da netnografia na coleta de dados. A amostra foi composta por 202 atletas universitários brasileiros. A análise dos dados foi feita com o auxílio de recursos computacionais, particularmente, a planilha eletrônica e o aplicativo Weka – este último é uma implementação de vários algoritmos da área de mineração de dados. O uso do Weka facilitou e agilizou várias das etapas do processo de análise. As análises permitiram a constatação de que o sexting está presente entre atletas universitários, sendo que, de acordo com a amostra, os homens seriam os principais autores desse fenômeno, somado ao fato de ingerirem bebidas alcoólicas. Além disso, alguns autores apresentam características semelhantes, pois estes se consideram, por exemplo, extrovertidos, bem-humorados e simpáticos. Quanto às vítimas de sexting, constatamos que as pessoas enquadradas nessa categoria, de acordo com nossa amostra, seriam indivíduos que ingerem bebidas alcoólicas e, com leve prevalência em serem do sexo masculino, apresentam similaridade em determinadas características, como as citadas para os autores. Outro ponto que merece destaque é que a maior parte da amostra enxerga o sexting como uma brincadeira. No entanto, estes mesmos indivíduos demonstram consciência acerca dos danos que esse fenômeno pode gerar nas diversas relações no contexto esportivo, inclusive quanto à possível influência negativa sobre o rendimento dos atletas. Assim, nota-se a importância de estratégias de intervenção referentes aos crimes virtuais, buscando evitar novos casos ou, pelo menos, minimizar seus efeitos, além da necessidade dos indivíduos refletirem acerca dos desdobramentos que uma ação de sexting pode gerar aos envolvidos com o fenômeno.pt
dc.description.abstractOwing to the maximization of new social and digital media’s use, individuals hardly ever imagine the proportions that their posts on the network can reach. Thus, new dangers have emerged, like sexting, a phenomenon come from the sending and sharing texts, photos and videos with provocative, intimate or pornographic content. Thus, as young athletes are immersed in the world’s technologies, they are often victims of cybercrimes and overexposure of privacy. In addition, we emphasize that the university’s atmosphere includes individuals who belong to the age group that is considered one of the biggest sexting victims. Besides, this research aims to verify the occurrence of sexting among university athletes, trying to describe the profile of those involved with this phenomenon (particularly authors and victims), and raise general questions about sexting in university sports context. The research has a quantitative approach, descriptive type, using an online questionnaire (with closed questions) as a tool, with the support of netnography in data collection. The sample is composed by 202 Brazilian college athletes. Data analysis was done with the aid of computer resources, particularly, the spreadsheet and Weka application - the latter is an implementation of various algorithms of the data mining area. The use of Weka facilitated and streamlined several steps in the analysis process. The analysis allowed to conclude that sexting is present among university athletes and, according to the sample, men would be the main authors of this phenomenon, added to the fact they consume alcoholic drinks. In addition, some authors have similar characteristics, because they consider themselves, for example, extroverted, humorous and sympathetic. Regarding the victims of sexting, we found that people in this category, according to our sample, would be individuals who consume alcoholic drinks and, with a slight prevalence in being male, present similarity in certain characteristics, such as those cited for the authors. Another point highlighted is that most of the sample thinks sexting as a joke. However, the same individuals demonstrate knowledge about the damages that this phenomenon can generate in various relations within the sporting context, including about the possible negative influence on the athletes performance. Thus, we note the importance of intervention strategies regarding virtual crimes, seeking to avoid new cases or at least minimize their effects, in addition on the consequences that an action of sexting can generate to those involved with the phenomenon.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.identifier.aleph000881934
dc.identifier.capes33004137066P5
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/149745
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.subjectSextingpt
dc.subjectEsporte Universitáriopt
dc.subjectDesenvolvimento Humano e Tecnologiaspt
dc.subjectUniversity Sporten
dc.subjectHuman development and technologiesen
dc.titleOs efeitos do sexting no contexto esportivo universitário: uma tentativa de traçar o perfil dos envolvidospt
dc.title.alternativeThe effects of sexting in sporting university context: an attempt to delineate the profile of involveden
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.advisor.lattes1858554355077119[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-5598-6263[1]
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Biociências, Rio Claropt
unesp.embargoOnlinept
unesp.graduateProgramDesenvolvimento Humano e Tecnologias - IBRCpt
unesp.knowledgeAreaTecnologias nas Dinâmicas Corporaispt
unesp.researchAreaTecnologias e Desempenho Humano

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
morao_kg_me_rcla.pdf
Tamanho:
2.23 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
3 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: