Sobre o ritmo do português brasileiro: evidências de um padrão acentual

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2010

Autores

Migliorini, Lívia Monteiro de Queiroz [UNESP]
Massini-Cagliari, Gladis [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

This paper aims to analyze the relationship between lexical and post-lexical phonological processes and the Brazilian Portuguese (BP) rhythm classification in syllable or stresstimed. As the rhythm is a phenomenon which operates in the post-lexical domain – according to Lexical Phonology Theory – it is suggested that the distinction between both domains in which the processes apply must be regarded. From this point of view and focusing the phonological processes that operate in the post-lexical domain, it is possible to point out evidences that support the consideration of BP as a stress-timed language.
Este trabalho tem como objetivo fazer uma análise sobre a relação entre processos fonológicos lexicais e pós-lexicais e a classificação do ritmo do Português Brasileiro (PB) como silábico ou acentual. Por ser o ritmo um fenômeno que opera no nível pós-lexical – de acordo com a Teoria da Fonologia Lexical –, sugere-se, aqui, que para a classificação do ritmo das línguas, seja levada em consideração a distinção dos níveis em que ocorrem os processos fonológicos (lexical e/ou pós-lexical). A partir deste ponto de vista, considerando-se os processos fonológicos que operam no PB no nível pós-lexical, foram encontradas evidências que podem classificar esta língua como língua de ritmo acentual.

Descrição

Palavras-chave

Rhythm, Phonological process, Brazilian Portuguese, Prosody, Ritmo, Ritmo lingüístico, Ritmo silábico, Ritmo acentual, Português Brasileiro

Como citar

Revista Virtual de Estudos da Linguagem, v. 8, n. 15, p. 310-328, 2010.