Carta geotécnica de suscetibilidade aos processos de dinâmica superficial na região do Bairro do Peão, Piracaia (SP)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009

Autores

Valle, José Guilherme Xenofonte Pereira [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

This research presents the result of the engineering geological mapping in a 1:50.000 scale, in Bairro do Peão region, in Piracaia (SP), represented by means of homogeneous units which are susceptible to superficial dynamic processes. To serve as basis for the elaboration of a Chart of Susceptibility to Processes of Superficial Dynamic, a series of physical samples was collected, considering erosive processes and registers of information of usage and soil occupation. The procedure used for elaborating the geotechnical chart is based on Vedovello (2000), which suggests the physiographic compartimentation of the area through photointerpretation and further geotechnical characterization of the selected samples. The geotechnical characterization of the samples was made by identifying the features and properties of the material and forms of the physical environment determining the geotechnical conditions through geological-geotechnical profile descriptions typical of/ peculiar to each unit defined in the area. Thus, for each unit selected, the susceptibility level was established in very high, high, average and low, as well as the prevalent erosive processes.
A presente pesquisa apresenta o resultado do zoneamento geotécnico na escala 1:50.000, da região do Bairro do Peão, município de Piracaia (SP), representada por meio de unidades homogêneas quanto à suscetibilidade aos processos da dinâmica superficial. Como bases para a elaboração da Carta de Suscetibilidade aos Processos da Dinâmica Superficial foram realizados levantamentos do meio físico, de processos erosivos e registro de informações de uso e ocupação do solo. O procedimento utilizado para a confecção da carta geotécnica segue a proposta elaborada por Vedovello (2000), a qual sugere a compartimentação fisiográfica do terreno a partir dos trabalhos de fotointerpretação e a posterior caracterização geotécnica das unidades delimitadas. A caracterização geotécnica das unidades foi realizada por meio da identificação das características e propriedades dos materiais e das formas do meio físico determinantes de condições geotécnicas através da descrição de perfis geológico-geotécnicos típicos de cada unidade definida no terreno. Assim, para cada unidade estabelecida, definiu-se o grau de suscetibilidade em muito alto, alto, médio e baixo, além dos processos erosivos dominantes.

Descrição

Palavras-chave

Geologia de engenharia, Processos erosivos, Geotechnical chart, Erosive processes

Como citar

VALLE, José Guilherme Xenofonte Pereira. Carta geotécnica de suscetibilidade aos processos de dinâmica superficial na região do Bairro do Peão, Piracaia (SP). 2009. 55 f. Trabalho de conclusão de curso (Geologia) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2009.