Tratamento de linfocele inguinal pós-operatória com injeção de cola de fibrina: relato de caso

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2007-06-01

Autores

Boaventura, Priscila Nunes [UNESP]
Sobreira, Marcone Lima [UNESP]
Yoshida, Winston Bonetti [UNESP]
Rollo, Hamilton Almeida [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV)

Resumo

O paciente desenvolveu linforragia na região inguinal direita, depois de ponte aorto-bifemoral com enxerto de dácron®. Não respondeu ao tratamento conservador com cuidados locais e compressão. Foi realizado exame de ultra-sonografia Doppler, que evidenciou grande linfocele (6,4 x 3,36 x 6,1 cm), tratada pelo esvaziamento da loja por aspiração e injeção de cola de fibrina (1,6 mL) em seu interior. O paciente se recuperou sem intercorrências e sem recidiva, após 3 meses de seguimento.
The patient developed lymphatic drainage in the right groin after an aortobifemoral bypass with Dacron® graft. Conservative treatment with local wound care and compression was unsuccessful. Duplex scan showed a 6.4 x 3.36 x 6.1 cm lymphocele, which was treated by aspiration and injection of fibrin glue (1.6 mL). The patient recovered uneventfully and without recurrence after a 3-month follow-up.

Descrição

Palavras-chave

Linfocele, adesivo tecidual de fibrina, cirurgia vascular, Lymphocele, fibrin tissue adhesive, vascular surgery

Como citar

Jornal Vascular Brasileiro. Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), v. 6, n. 2, p. 190-192, 2007.