Presença de Microorganismos dos gêneros staphyococcus e candida na cavidade bucal humana

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2001-06-12

Orientador

Jorge, Antonio Olavo Cardoso

Coorientador

Pós-graduação

Biopatologia Bucal - ICT

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (inglês)

The presence of Candida genus yeasts and staphylococci in the human oral cavity is very important because they can act as supplementary microbiota and in certain situations can cause oral or systemic diseases. The aim of this study was to correlate the presence of Candida genus yeasts and species of staphylococci in the human oral cavity. Oral riinsings were colected from 70 people and the cultived in Sabouraud glucose agar with chloramphenicol and Baird-Parker ágar. After the incubation period, the microrganisms were isolated and identified through biochemical tests. The Candida genus yeasts were found in 71,42% of the examined people, and C.albicans were isolated from 92,85% of the oral cavities. Fourty-one Staphylococcus negative for coagulase (63%) were found. Among the Staphylococcus samples positive for coagulase nine were S.aureus, 11 S.hyicus and four S.schleiferi subspecies coagulans. There was no correlation between the quantities (cfu) of Candida and staphylococci isolated from the oral rinsings of the examined people

Resumo (português)

A presença de leveduras do gênero candida e staphylococcus na cavidade bucal humana adquire importância, pois pode atuar como microbiota suplementar e, em determinadas situações, ocasiona doença bucal ou sistêmica. O objetivo do presente trabalho foi correlacionar a presença de leveduras do gênero Candida e espécies de Staphylococcus na cavidade bucal humana. Enxágüe bucal foram coletados de setenta indivíduos e, a seguir semeados em ágar Sabouraud dextrose com cloranfenicol e agar Baird-Parker. Após crescimento, os microrganismos foram isolados e identificados através das provas bioquímicas. Os dados foram analisados através de análise de variância (Anova). Leveduras do gênero Candida foram encontradas em 71,42% dos indivíduos examinados, sendo C.albicans a mais frequente. staphylococcus spp. foram isolados em 92,85% das cavidades bucais, sendo 41 cepas coagulase-negativas (63%). Das cepas coagulase positivas, nove eram S.aureus, 11 S.hyicus e quatro S.schleiferi subespécie coagulans. Não ocorreu entretanto correlação entre as quantidades de unidades formadoras de colônia de Candida e Staphylococcus encontradas nos enxágües bucais dos indivíduos examinados

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MARTINS, Clélia Aparecida de Paiva. Presença de Microorganismos dos gêneros staphyococcus e candida na cavidade bucal humana. 2001. 123 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, 2001.

Itens relacionados

Financiadores